Significado de Capitalismo financeiro

Compartilhar no Facebook

O que é Capitalismo financeiro:

Capitalismo financeiro, também chamado de capitalismo monopolista foi aquele que aconteceu no final do século XIX até a crise de 1929, diretamente ligado com o forte crescimento econômico que se registrava neste período da Revolução Industrial.

O Capitalismo Financeiro corresponde a um tipo de economia capitalista em que o grande comércio e a grande indústria são controlados pelo poderio econômico dos bancos comerciais e outras instituições financeiras.

O capitalismo financeiro foi o resultado da revolução de transportes, que originou profundas alterações na vida econômica, como inovações tecnológicas, alargamento dos mercados, entre outros e exigiu muitos investimentos que só estavam ao alcance de grandes empresas. O capitalismo financeiro foi possível graças à influência do liberalismo, que conduziu ao desaparecimento da tutela estatal sobre a economia.

Uma das consequências mais importantes do crescimento acelerado da economia capitalista foi o processo de concentração e centralização de capitais. Várias empresas surgiram e cresceram rapidamente, como indústrias, bancos, corretoras de valores, casas comerciais etc. Esse período ficou marcado pela prática do monopólio, que é quando uma única empresa domina todo o mercado, além dos oligopólios, que correspondem à união de algumas empresas retendo nas mãos o controle dos preços e de matéria-prima, impedindo assim o desenvolvimento de outras empresas.

Capitalismo Industrial

Juntamente com o capitalismo financeiro, surgiu o capitalismo industrial, que é quando as empresas evoluíram de manufatureiras para mecanizadas. Outro tipo foi o capitalismo informacional, que tem a tecnologia de informação como o paradigma das mudanças sociais que reestruturaram o modo de produção capitalista.

O significado de Capitalismo financeiro está na categoria: Geral