Significado de Apolar

O que é Apolar:

Apolar é a qualidade daquilo que não tem polaridade, normalmente relacionado às moléculas orgânicas.

Na química, a polaridade das moléculas orgânicas está relacionada com a intensidade da eletronegatividade dos átomos que formam estas moléculas. Quando não há diferença entre a eletronegatividade dos átomos, esta molécula é considerada apolar.

Numa molécula apolar, a diferença de eletronegatividade da ligação dos átomos deve ser sempre igual a zero, pois são anulantes.

Normalmente, as ligações apolares são constituídas por hidrocarbonetos, ou seja, compostos formados por átomos de carbono ou / e hidrogênio.

Moléculas orgânicas apolares

Estes compostos possuem cargas de elétrons semelhantes, portanto não ocorre um deslocamento de carga entre eles, mas sim a anulação destas cargas.

Ver também o significado de molécula.

Quando há compostos orgânicos diferentes em uma ligação de hidrocarbonetos, por exemplo, esta já é considerada polar.

Molécula da águaExemplo: a geometria molecular da água (H2O) é formada por dois átomos de hidrogênio e um de oxigênio, sendo que os elétrons neste composto se concentram mais no oxigênio, fazendo com que haja um deslocamento de cargas. Assim, o oxigênio torna-se mais eletronegativo do que o hidrogênio, caracterizando esta molécula como polar.

Em outras palavras, a água é um composto polar.

Saiba mais sobre hidrocarbonetos.

Apolar e polar

Ao contrário das ligações apolares, as moléculas polares são aquelas que apresentam uma eletronegatividade entre os átomos diferente de zero.

Devido as diferentes densidades eletrônicas, alguns átomos acumulam mais elétrons que outros, fazendo com que a força de atração seja mais intensa.

Alguns dos principais compostos apolares são: a gasolina, o metano e o etano.

Alguns dos principais compostos polares são: a água, o açúcar e o álcool.

Data de atualização: 17/10/2018.