Capital Social

Atualizado em

O que é o capital social:

Capital social pode ser definido como o valor inicial que os sócios ou acionistas empregam em um empreendimento no momento de abertura.

Este valor representa a quantia bruta necessária para iniciar as atividades de uma nova empresa e para mantê-la, já considerando o tempo em que ela pode ainda não gerar o lucro suficiente para se manter por conta própria.

Ele então pode ser utilizado para montar a infra-estrutura de uma empresa, com equipamentos, acessórios, meios de transporte, meios de comunicação e tudo que seja relacionado ao desenvolvimento do negócio.

Quando o empreendimento for ligado ao setor de comércio, no documento de registro comercial do negócio deve constar o montante do capital social e como será feita a conferência do valor, que pode ser feita em moeda corrente ou em bens e direitos.

O capital social é pensado a partir de três perspectivas importantes:

  • Financeira: que é representada pelos recursos iniciais que serão investidos e irão manter a empresa “viva” no período inicial das atividades;
  • Social: representada pelo conjunto de regras de relacionamentos entre todos os indivíduos que formam a sociedade investidora da empresa. Estas regras são fundamentais para definir os objetivos da empresa, sua forma de organização, o poder de cada sócio, além do limite de sua responsabilidade;
  • Limite de responsabilidade: que é representado pela necessidade de limitar o ônus dos sócios, diante dos crescentes riscos inerentes à atividade industrial.

Veja mais sobre os Bens de Capital.

Como é definido o capital social de uma empresa

Vários elementos podem ser considerados para a definição do capital social de uma empresa, sobretudo se o valor a ser investido for resultante de uma sociedade.

Fatores como o montante a ser aplicado por cada sócio, o know-how e a implementação da tecnologia são importantes na hora de definir a quantia do capital.

Entretanto, é importante que estes fatores e tudo o que vier a ser acordado neste tipo de sociedade esteja minuciosamente descrito no contrato social ou no acordo de quotista. Este tipo de documento evita futuras disputas em eventuais alterações societárias.

O mais aconselhável é que, no caso de dúvidas, o capital inicial de uma empresa comece com R$ 1.000,00 (mil reais), uma vez que com este valor é possível financiar as taxas e certificações necessárias, além de poder contratar um contador para auxiliar neste processo inicial.

Veja também: Capital na economia, Sociedade Limitada e Sociedade Anônima.