5 Sinais que te mostram como é sentir empatia

A empatia se resume na capacidade do indivíduo de se colocar no lugar do outro, ou seja, tentar entender os sentimentos deste para, assim, compreender as suas atitudes, por exemplo.

Ser empático nem sempre é uma tarefa fácil. Confira 5 passos que caracterizam a empatia e que vão te ajudar a entender e exercitar este sentimento.

Cada pessoa é única

empatia pessoa unica

Não existe uma "receita" predefinida de como devemos lidar com as pessoas. Cada indivíduo é único e essa é a beleza da vida. 

Ao sentirmos empatia por alguém estamos nos sensibilizando pela realidade do próximo. Isso é essencial para que as pessoas possam se respeitar e aprender a viver com as suas diferenças. 

A empatia é a principal ferramenta para a compreensão e paz geral, pois graças a este sentimento conseguimos nos "pôr na pele" de outras pessoas e, consequentemente, entender as razões por trás de suas ações.

Escutar antes de falar

empatia escutar

Você nunca conseguirá ser empático se não parar e observar. A empatia requer que o egocentrismo seja deixado de lado para dar espaço ao altruísmo, ou seja, ajudar outras pessoas sem intenções egoístas. 

Saber ouvir é muito importante. Mesmo quando você pensa não ser capaz de dizer algo para ajudar alguém, por exemplo, quando está ouvindo atentamente o que a outra pessoa tem a dizer, as palavras certas de conforto acabam por aparecer.

Ah, e nem sempre as palavras são necessárias. Um abraço, um beijo ou mesmo um tapinha nas costas, quando feito com sinceridade, já é um sinal de que você se "contaminou" pelo sentimento que aflige ou contagia o próximo.

Saiba mais sobre o Altruísmo.

A importância da linguagem corporal

empatia abraço

A linguagem corporal é muito importante na hora de criar laços empáticos. Psicólogos afirmam que pequenos gestos podem simbolizar o seu nível de empatia para com determinada pessoa.

Por exemplo, tente não conversar com os braços cruzados ou sempre a bocejar, pois demonstra falta de interesse. Também é importante que você apresente pequenos sinais de concordância, indicando que está prestando atenção ao diálogo (como balançar a cabeça afirmativamente).

Um sorriso ou um abraço podem ser mais importantes do que qualquer discurso. Não se esqueça disso.

Abandone os julgamentos

empatia julgamentos

Ser empático é ter a habilidade de não fazer julgamentos com base em suposições egoístas. Afinal de contas, como já dissemos, a empatia está baseada na compreensão do próximo. E o mundo é muito mais daquilo que você vive ou julga ser o correto.

Às vezes, presenciamos uma atitude de outra pessoa que parece ser incorreta ou despropositada. Por causa disso, muitas pessoas criam uma imagem negativa daquele indivíduo, tendo em conta o que presenciou. No entanto, existem mil e um motivos que possam ter desencadeado aquela reação na pessoa, como a perda de um familiar, do emprego, etc. 

E é aí que entra a sensibilidade da empatia. Você precisa tentar entender a história por trás das ações, se pôr no lugar daquele indivíduo e, somente assim, será capaz de entender por que houve aquela reação inesperada, por exemplo.

Um bom exercício para praticar a empatia nesse caso é tentar compreender as ações daquelas pessoas que te irritam. Este é o caminho rumo a tolerância social.

Empatia não é fingimento

empatia preocupação

A empatia é um sentimento genuíno e que deve ser valorizado. Ser empático não é agir com falsidade, ou seja, fazendo de conta que se importa com o próximo. 

Portanto, se você é daqueles que crítica o sentimento de empatia alheio, provavelmente está precisando trabalhar a sua capacidade de se colocar no lugar do outro. É muito importante praticarmos isso, afinal de contas, sem a empatia os seres humanos já teriam sido extintos há muito tempo.

Ficou interessado(a)? Então, saiba mais sobre o significado da Empatia.

5 Sinais que te mostram como é sentir empatia está na categoria: Geral