Entenda a função referencial através de exemplos

A função referencial da linguagem, também chamada de denotativa, é aquela que privilegia a informação. Numa mensagem caracterizada pela função referencial, o emissor tem a intenção de transmitir a seu interlocutor informações objetivas, sem que estejam presentes elementos como a subjetividade, a emoção ou a persuasão.

São exemplos de textos em que predominam a função referencial as teses, os artigos científicos, os livros didáticos, os verbetes de enciclopédia ou dicionário e a notícia de jornal.

Exemplos de textos com função referencial

Trecho de texto didático

Livros didáticos ou textos de caráter didático servem para instruir ou facilitar a aprendizagem de quem quer aprender sobre um determinado tema. São textos em que a informação deve ser dada de forma clara e objetiva, e praticamente não há espaço, por exemplo, para que o emissor expresse seus sentimentos (função emotiva).

O Reino Vegetal ou Reino Plantae é caracterizado por organismos autótrofos (produzem seu próprio alimento) e clorofilados.

Por meio da luz solar, realizam o processo da fotossíntese e, por esse motivo, são chamados de seres fotossintetizantes.

Vale lembrar que a fotossíntese é o processo pelo qual as plantas absorvem energia solar para produzirem sua própria energia. Isto ocorre através da ação da clorofila (pigmento associado à coloração verde das plantas) existente em seus cloroplastos.

As plantas formam a base da cadeia alimentar. Elas são produtoras de matéria orgânica e alimentam os seres heterótrofos, ou seja, representam o grupo responsável pela nutrição de diversos organismos consumidores.

Isso indica que sem a existência desses seres autótrofos, a vida na terra seria impossível.

Trecho de conteúdo didático sobre "Reino Vegetal", site TodaMatéria.

Verbete de enciclopédia

Enciclopédias são obras de referência onde se reúnem informações sobre todos os campos do saber. Nelas encontramos definições de termos, conceitos, eventos históricos, leis científicas, personalidades importantes etc. Como o objetivo da enciclopédia é informar, predomina a função referencial da linguagem.

Estado

Estado é uma entidade que comanda e organiza a vida em sociedade. Há pelo menos quatro características fundamentais do Estado: poder, povo, centralidade e territorialidade. Isso significa que o Estado é uma forma centralizada de organização do poder que exerce domínio sobre uma população que vive num determinado território.

Num Estado, o poder é organizado em instituições, como o governo (poder executivo), o parlamento (legislativo) e o judiciário. Em linhas gerais, os chamados três poderes, que constituem o Estado, exercem as funções de executar as leis e administrar os serviços públicos (executivo), formular as leis (legislativo) e supervisionar e julgar a aplicação das leis (judiciário).

Trecho de "Significado de Estado", site Significados.

Notícia

A notícia é um texto que pretende relatar ao leitor um acontecimento, também conhecido como fato jornalístico. A ideia é que a notícia seja imparcial - ou seja, ela não deve expressar as preferências individuais do redator. Não há espaço, por exemplo, para a persuasão ou o convencimento (função conativa).

Mais de 80 ministros e vice-ministros, bem como 2,8 mil especialistas envolvidos nos setores da educação e do meio ambiente, comprometeram-se a tomar medidas concretas para transformar a educação ambiental ao adotar a Declaração de Berlim sobre a Educação para o Desenvolvimento Sustentável (EDS), no final de uma Conferência Mundial virtual realizada de 17 a 19 de maio de 2021.

A Conferência, acompanhada online por mais de 10 mil espectadores, foi organizada pela UNESCO em cooperação com o Ministério Federal de Educação e Investigação da Alemanha e, como parceiro consultivo, a Comissão Nacional da UNESCO da Alemanha.

A UNESCO fez um pedido para que a EDS seja uma componente central de todos os sistemas de ensino, até 2025.

Trecho de notícia publicada no site das Nações Unidas: “UNESCO: educação ambiental deve fazer parte do currículo escolar até 2025”, de 26/05/2021.

Leia mais sobre a Notícia.

Verbete de dicionário

O dicionário é um dos melhores exemplos da função referencial. Seu objetivo é definir as palavras da forma mais precisa e objetiva. A linguagem de dicionário afasta-se, por exemplo, da linguagem poética (função poética), cuja finalidade é a produção de prazer estético. Já o objetivo do dicionário é dar o significado das palavras.

Disruptivo (adjetivo):

Que provoca ou pode causar disrupção; que acaba por interromper o seguimento normal de um processo; interruptivo, suspensivo. Que tem capacidade para romper ou alterar; que rompe.[Eletricidade] Que causa a restauração súbita de uma corrente elétrica, provocando faíscas e gastando a energia que estava acumulada.[Hidráulica] Que provoca uma alteração ao redor daquilo que obstrui o escoamento de fluidos.

Definição da palavra disruptivo extraída do site Dicio, Dicionário Online de Português.

Artigo científico

Texto acadêmicos, como artigos científicos, teses e dissertações são bons exemplos de uso da função referencial da linguagem. Esses textos lidam com dados estatísticos, fatos observáveis, resultados de experimentos, teorias científicas, conceitos etc. Há um predomínio claro da função referencial.

O fenômeno da extinção é uma parte importante do processo evolutivo, sem o qual as biotas permaneceriam estáticas ao longo do tempo geológico. As espécies vivas constituem apenas uma parte ínfima dos diferentes seres que existiram e é possível que algo como 99 por cento de todas aquelas que já viveram estejam extintas; o registro fóssil, com todas as suas imperfeições, somente nos indica uma pequena parcela da imensa variedade de vida que existiu no planeta e jamais poderemos ter uma história completa e perfeita de como ela se desenvolveu. Embora seja difícil determinarem-se as verdadeiras circunstâncias que levaram à extinção as espécies fósseis, pode-se inferir serem as causas que a provocaram as mesmas existentes nos tempos presentes, resumidas como abaixo indicado:

  • Destruição ou degradação de hábitat
  • Extermínio em decorrência de extinções anteriores
  • Invasão de habitat por espécies agressivas ou competidoras
  • Introdução de elementos patogênicos
  • Caça ou matanças deliberadas por ação antrópica
  • Eventos catastróficos localizados ou globais

Trecho de artigo científico intitulado “Extinção e o registro fóssil”, de Ibsen de Gusmão Câmara, publicado em 2007 no Anuário do Instituto de Geociências - UFRJ.

Leia mais sobre o Artigo Científico.

Veja também:

Data de atualização: 27/05/2021.