Significado do Ímã

O que é um Ímã:

Ímã é um objeto capaz de produzir um campo magnético ao seu redor, possuindo dois polos principais: um de atração e outro de repulsão.

Também conhecido por magneto, o ímã é constituído por um material ferromagnético e a sua ação magnética se forma devido a constante movimentação dos eletrões em seu interior.

Os ímãs são objetos dipolos, ou seja, possuem dois polos que atraem ou repelem outros materiais ferromagnéticos e alguns paramagnéticos. O polo norte do ímã é atraído pelo polo magnético sul da Terra, enquanto que o polo sul do ímã está relacionado com o polo norte geográfico.

Os polos dos ímãs, no entanto, são inseparáveis. Por exemplo, se um ímã for partido ao meio, surgirão dois ímãs menores com dois polos cada (norte e sul).

De acordo com a regra natural, polos magnéticos de mesma natureza se repelem, enquanto polos diferentes se atraem.

Porém, os ímãs deixam de gerar campo magnético quando são submetidos a determinadas temperaturas elevadas. Por exemplo, o ímã de ferro perde a sua força magnética quando aquecido a 770 graus Celcius, ponto este conhecido como a “temperatura de Curie”.

Tipos de ímãs

Existem quatro principais classificações de ímãs: permanentes ou temporais, e naturais ou artificiais.

Ímãs naturais: são as magnetitas, minerais naturais com propriedades magnéticas, compostos essencialmente de minério de ferro (óxido de ferro).

Ímãs artificiais: são formados através de um processo chamado imantação, quando “absorvem” as propriedades magnéticas de um imã natural, através da presença de um corpo eletromagnético.

Ímãs permanentes: são aqueles que dificilmente perdem o seu campo magnético. São feitos a partir de aço magnetizado (com elevado teor de carbono).

Ímãs temporais: apresentam propriedades magnéticas momentâneas, principalmente quando estão conectados a fontes de ondas eletromagnéticas. São feitos a partir de matérias paramagnéticas (ferros com baixo teor de carbono).

Ainda existem outros tipos de ímãs, como o eletroíman e o ímã de neodímio, feito com a combinação de neodímio, ferro e boro, e apresenta uma capacidade magnética extremamente poderosa.

Ver também: o significado de magnetismo.

Diferença entre ímã e imã

Existe muita confusão sobre a correta grafia destes termos. Ímã e imã são palavras muito parecidas, mas possuem significados totalmente distintos na língua portuguesa.

Ímã (com acento agudo na letra “i”) é referente ao magneto, ou seja, o objeto que produz ou reproduz um campo magnético ao seu redor.

Já o termo imã (sem o acento agudo) ou imame é de origem árabe e significa “aquele que guia”, representando o cargo de uma importante figura religiosa para o povo islâmico. O imã pode assumir diferentes posições e graus de importância, dependendo da doutrina ou seita islâmica seguida.

Saiba mais sobre o significado do Islamismo.

Data de atualização: 16/06/2016.