Significado da Indústria cultural

O que é a Indústria cultural:

Indústria cultural é um termo desenvolvido para denominar o modo de produzir cultura no período industrial capitalista. Ele designa principalmente a situação da arte na sociedade capitalista industrial, marcado por modos de produção que visavam sobretudo o lucro.

Este termo foi criado por Max Horkheimer (1895-1973) e Theodor Adorno (1903-1969), ambos intelectuais da Escola de Frankfurt na Alemanha. Ele surgiu na década de 40, no livro “Dialética do Esclarecimento: Fragmentos Filosóficos”, publicado posteriormente em 1947.

O objetivo principal da indústria cultural é o lucro, além da idealização de produtos voltados para o consumo excessivo das massas. Este objetivo também reproduz o real interesse das classes dominantes, tornando-as legítimas e com elevado status social.

Características da Indústria Cultural

A indústria cultural é marcada por características que tem total influência do modo de produção industrial da época.

Como os processos de produção visavam principalmente o lucro, todos os produtos culturais eram pensados para que houvesse um grande consumo por parte das massas.

Esta característica tem influência da teoria marxista que pressupõe que a economia funciona como uma mola impulsionadora da realidade social.

Isso também foi impulsionado com o avanço tecnológico, que conseguia fabricar “ilusões” padronizadas e extraídas do potencial cultural e artístico.

A cultura popular e erudita assumiram características simplificadas e falsificadas para se transformarem em produtos consumíveis.

Entretanto, nem tudo é visto como negativo na indústria cultural. Para Walter Benjamin, este consumo excessivo dos produtos culturais se transforma em uma via de democratização para a arte, pois ele pode levar cultura para um maior número de pessoas.

Indústria Cultural e a Cultura de Massa

Outro ponto que foi amplamente consumido na indústria cultural foram os meios de comunicação de massa, como as ferramentas de propaganda.

Os meios de comunicação e suas ferramentas foram os responsáveis pela crença da “liberdade individual”, onde o sentimento de satisfação pelo consumo é estimulado.

Na maioria das vezes, estes produtos não fornecem o que prometem (alegria, sucesso, juventude, etc). Assim, cria-se a ilusão no consumidor, prendendo-o num ciclo vicioso de conformismo.

Veja também o significado da Cultura de Massa.

O significado da Indústria cultural está na categoria: Geral