Significado de Leishmaniose

O que é a Leishmaniose:

Leishmaniose é uma doença infecciosa causada por protozoários parasitas do gênero leishmania, que se apresenta na forma de feridas na pele. Ela é disseminada através da picada de certos tipos de insetos que se alimentam de sangue.

A Leishmaniose é caracterizada como uma doença crônica ou antropozoonose, causada por protozoários do gênero leishmania, especificamente da família Trypanosomatidae. Apesar de infecciosa, ela não é contagiosa e tem cura.

A doença pode se manifestar através de três principais formas:

  • A leishmaniose tegumentar, também conhecida como “úlcera de Bauru”, apresenta feridas na pele que se localizam com maior frequência em partes descobertas do corpo. Em casos avançados, ela pode apresentar feridas nas mucosas do nariz, da boca e da garganta, sendo conhecida como leishmaniose mucocutânea ou “ferida brava”;
  • A leishmaniose visceral, também conhecida como “calazar”, se apresenta de forma sistêmica, atingindo vários órgãos internos, principalmente o fígado, o baço e a medula óssea, além de reduzir o número de hemácias no sangue;
  • A leishmaniose canina, exclusivamente em cães domésticos, considerada um tipo mortal para a espécie, pois tem um desenvolvimento lento e diagnóstico difícil por não apresentar sintomas externos.

Causas da Leishmaniose

As fontes de infecção da doença são principalmente os animais silvestres e os insetos flebotomíneos, que se alimentam de sangue. Ao se alimentarem, eles são ligados por receptores específicos aos macrófagos ou outras células fagocitárias presentes na pele, pelos quais são fagocitadas.

Porém, os hospedeiros também podem ser os animais silvestres e os cães domésticos, atuando como reservatórios do parasita.

Em um exemplo, quando uma fêmea do inseto pica um cão que está infectado pelo parasita, ele recebe as leishmanias através do sangue ingerido. Já dentro do estômago do inseto, os parasitas multiplicam-se e quando esta fêmea volta a picar um outro cão, ela inocula a leishmania no novo hospedeiro.

Sintomas e diagnóstico

Entre os principais sintomas da leishmaniose estão:

  • Febre prolongada;
  • Úlceras escuras na pele;
  • Aumento do baço (esplenomegalia);
  • Aumento do fígado (hepatomegalia);
  • Anemia;
  • Tosse;
  • Dor abdominal;
  • Diarreia;
  • Perda de peso.

Entretanto, alguns sintomas mais específicos se apresentam de acordo com a forma como a doença é apresentada.

O diagnóstico da leishmaniose é feito através de exames clínicos e laboratoriais e seu tratamento é realizado com medicamentos que utilizem em sua composição substâncias como Antimônio, Pentamidina, Marbofloxacino anfotericina e Miltefosina.

O tratamento também deve ter o acompanhamento de profissionais da área da saúde.

Prevenção

Para que a leishmaniose não seja diagnosticada, é preciso tomar alguns cuidados e ter algumas precauções, como:

  • Evitar construir casas e acampamentos em áreas muito próximas à mata;
  • Fazer dedetização, quando indicada pelas autoridades de saúde;
  • Evitar banhos de rio ou de igarapé, localizado perto da mata;
  • Utilizar repelentes na pele, quando estiver em matas de áreas onde há a doença;
  • Usar mosquiteiros para dormir;
  • Usar telas protetoras em janelas e portas.

Veja também o significado de Protozoário e Epidemia

Data de atualização: 24/01/2018. O significado de Leishmaniose está na categoria: Medicina

Significados Populares