Significado de Xantina

O que é Xantina:

Xantina é uma base nitrogenada cristalina, presente em grande parte dos tecidos e fluidos orgânicos (músculos, órgãos, urina) e também em determinadas plantas (café, ervas, cacau).

A palavra "xantina" vem do grego xanthos, que significa "amarelo".

No organismo, os aminoácidos decompõem-se em ácidos nucléicos, nucleotídios e bases purínicas (purinas). Estas últimas sofrem um processo de degradação em hipoxantina, que se transforma em xantina.

Por sua vez, a xantina sofre ação de uma enzima denominada xantina oxidase, transformando-se em ácido úrico. Tanto a velocidade como a quantidade de ácido úrico formado a partir das purinas dependem da xantina oxidase.

A perda de xantina pela urina (hiperxantinúria) reduz substancialmente o material necessário para a transformação de xantina em ácido úrico, levando a uma condição chamada hipouricemia (ácido úrico plasmático inferior a 2,5 mg%).

Os três principais alcalóides das xantinas são a cafeína (café), a teofilina (chás) e a teobromina (cacau). Essas substâncias estão presentes em café, chás, refrigerantes de cola, cacau, medicamentos analgésicos, anti-histamínicos, entre outros. São obtidas a partir de plantas do género coffea L., camellia sinensis ou thea sinensis e theobroma cacau.

Data de atualização: 12/11/2014.