Significado de Clero

Compartilhar no Facebook

O que é Clero:

Clero é a palavra que descreve a classe clerical, ou seja, são os religiosos, conhecidos como sacerdotes, que fazem parte de uma Igreja, do latim cleru. O clero é um conjunto de religiosos, que podem pertencer a um determinado país, a um determinado culto etc.

O clero surgiu com a Igreja Católica, na época da Idade Média e do feudalismo. O clero é representado pelos padres, bispos, arcebispos, cardeais e o Papa, e cada um possui sua própria função na hierarquia da Igreja, e são responsáveis pelos cultos.

O clero, no seu sentido original, existem até hoje, principalmente na Igreja Católica, porém já não possuem mais tantos privilégios e reconhecimento como tinham antes, e atualmente apenas tem influência dentro da própria religião.

Existe a distinção entre o alto clero e baixo clero. O alto clero era formado por cardeais, arcebispos, patriarcas, bispos, e sacerdotes de famílias ricas. O baixo clero era constituído por sacerdotes e diáconos, que muitas vezes eram oriundos de famílias pobres.

O clero regular remete para clérigos que são membros de alguma organização religiosa, enquanto o clero secular, é o conjunto de clérigos que não vivem em uma instituição religiosa e fazem obras direcionadas para a comunidade.

Clero e feudalismo

Na época do feudalismo, o clero gozava de diversos privilégios e prestígio na sociedade, pois as pessoas acreditavam que eles é que ligavam os fiéis à Deus, e por isso eram muito respeitados, e ao mesmo tempo entravam em conflito com os Reis e com a nobreza, pois também queriam mandar na sociedade. O clero tinha um enorme poder e influência na economia durante a época do feudalismo. O clero teve prestígio até meados do século XIV, depois passaram a não ter mais tanta importância e participação na sociedade.

O significado de Clero está na categoria: Geral