Significado de Esterilização

O que é Esterilização:

Esterilização é o processo de destruir todas as formas de vida microbianas que possam contaminar materiais e objetos, como vírus, bactérias, fungos e outros, por meio da utilização de agentes químicos ou físicos.

Este processo torna a reprodução destes organismos incapaz de se realizar, causando então a chamada morte microbiana.

A intenção da esterilização é que a probabilidade de sobrevivência do agente que pode contaminar um organismo seja menor que 1:1.000.000, podendo considerar aquele objeto estéril.

A eficácia de qualquer processo de esterilização dependerá de fatores como o  tipo de método escolhido, a natureza do material, tipo de contaminação e condições em que o objeto final foi preparado.

Já para a medicina humana e a veterinária, a esterilização se caracteriza no método cirúrgico que interrompe a capacidade de reprodução de um ser vivo, tornando-o estéril e infecundo.

Geralmente, os procedimento de esterilização em seres vivos tratam-se de uma forma de anticoncepção permanente, que é irreversível.

Veja mais sobre a Assepsia.

Tipos de esterilização

A esterilização de materiais pode desenvolver-se através de diferentes processos químicos e físicos.

A alternativa mais frequente é submeter o objeto que se pretende esterilizar a altas temperaturas até provocar a morte dos micro-organismos. Entretanto, existem outros métodos como:

Esterilização ao vapor

A exposição de micro-organismos ao vapor saturado e pressurizado de uma autoclave provoca a chamada desnaturação de enzimas e proteínas estruturais. A temperatura pode variar inversamente à quantidade de água presente no processo.

Esterilização com calor seco

Na esterilização com calor seco, o objetivo primário é a oxidação de constituintes celulares. Ele também requer o uso de temperaturas muito elevadas, além do tempo de exposição muito prolongado. No seu processo existem etapas como a flambagem, a incineração, os raios infravermelhos e a estufa de ar quente.

Esterilização a gás

O agente ativo do processo de esterilização a gás pode ser o óxido de etileno ou outra substância altamente volátil, que funcione como alcalinizador de proteínas como o DNA e o RNA.

Por ser considerada altamente inflamável, este procedimento só deve ser considerado se nenhum outro procedimento de esterilização for possível.

Esterilização com radiação ionizante

Por ser um método de esterilização que utiliza baixas temperaturas, a radiação ionizante pode ser utilizada em materiais termossensíveis.

Alguns átomos possuem a propriedade de emitirem ondas ou partículas de acordo com a instabilidade de seus núcleos, alterando assim a carga elétrica do material irradiado por deslocamento de elétrons.

Para fins de esterilização industrial as fontes de raios beta e gama são as utilizadas.

Esterilização e desinfecção

O processo e o cuidado com a limpeza dos materiais utilizados em laboratório evita contaminações e problemas com os resultados dos experimentos. E a esterilização e a desinfecção dos materiais são os processos mais básicos a se realizar. Entretanto, ambos apresentam algumas diferenças.

Enquanto a desinfecção é o processo que elimina uma grande parcela dos microrganismos presentes nas superfícies dos equipamentos, utilizando produtos como cloro, hipoclorito de sódio e álcool, a esterilização funciona como um complemento, sendo mais eficaz na eliminação de todas as formas de vida presentes nos materiais de laboratório.

Quando realizada corretamente, a esterilização elimina todas as bactérias, fungos, vírus e esporos.

Ver também o significado de Desinfecção.

O significado de Esterilização está nas categorias: Geral, Medicina