Significado de Texto científico

O que é um Texto científico:

Um texto científico é uma produção textual, uma narrativa escrita que aborda algum conceito ou teoria, com base no conhecimento científico através da linguagem científica.

Segundo a etimologia, a palavra texto tem origem no verbo em latim texere, que significa tecer. Desta forma, é possível afirmar que um texto consiste no ato de juntar palavras, criando enunciados que têm o objetivo de transmitir algum tipo de conteúdo ao leitor.

Assim, a linguagem usada em um texto varia de acordo com o seu propósito ou os leitores para quem ele é escrito. Assim, um texto científico é construído com linguagem científica, própria de uma comunidade específica. A linguagem deve ser objetiva, não dando espaço para ambiguidade. No texto científico não existe a preocupação da estética, como em um texto poético, por exemplo.

Muitas vezes os textos científicos expressam resultados obtidos em algum tipo de experiência e tem como público-alvo outros elementos da comunidade científica, interessados também pelo mesmo objeto de estudo.

Os artigos ou textos científicos devem seguir certos padrões, que no Brasil são determinados pela ABNT (NBR 6022). Estas normas apresentam padrões relacionados com o formato, paginação, citações, notas de rodapé, referências bibliográficas, etc.

Em inglês, a expressão "texto científico" é traduzida por science article.

Característica do texto científico

Frequentemente, a leitura de um texto científico requer algum conhecimento teórico sobre o tema que está sendo abordado no texto. Assim, um texto científico muitas vezes requer uma leitura prévia de outros textos com informação sobre o assunto em questão.

Os textos científicos são específicos e têm como objetivo aprofundar algum tema. Por esse motivo, é um texto que requer muita atenção na hora da leitura, porque apresenta uma linguagem mais complexa relativa a alguns conceitos e teorias.

Por exemplo, um texto científico sobre o aquecimento global é um texto que aborda o fenômeno do aquecimento global de uma forma científica, apresentando dados e conceitos bem definidos. De igual forma, também pode revelar dados concretos de pesquisas científicas, que permitem chegar a alguma conclusão no tema em questão.

Estrutura do texto científico

Um trabalho ou artigo científico, composto por textos científicos, tem uma estrutura definida. É composto por uma parte externa e uma parte interna. Estas partes podem conter elementos pré-textuais, textuais e pós-textuais.

A parte externa do trabalho é composto apenas por elementos pré-textuais, como a capa, por exemplo. A parte interna também tem componentes pré-textuais, como a folha de rosto, folha de aprovação resumo na língua vernácula e estrangeira, sumário, agradecimentos, etc. Os elementos textuais consistem na introdução, desenvolvimento e conclusão do tema em questão. Os pós-textuais remetem para as referências, anexos ou índices.

Data de atualização: 05/06/2015.