Diferenças entre Verduras e Legumes

Verduras e legumes são plantas alimentícias que pertencem ao grupo dos vegetais, e que podem ser ingeridas como complemento para garantir uma alimentação saudável e equilibrada.

A principal diferença entre as verduras e os legumes está na identificação da parte comestível da planta. Por exemplo, nas verduras a parte comestível se restringe às folhas, brotos, flores e hastes. Por outro lado, nos legumes a parte comestível são os frutos, raízes e sementes.

O que são verduras?

As verduras são tipos de plantas em forma de folhas e flores que são comestíveis. Normalmente, as partes comestíveis das verduras são as flores, botões, folhas, caules ou hastes.

Elas também costumam ser chamadas de hortaliças, pois normalmente são plantas cultivadas em hortas.

Alface

As verduras são reconhecidas por terem um baixo teor de carboidratos e de calorias. E, por possuírem pouca durabilidade, é importante verificar a sua qualidade e cortá-las próximas à hora do consumo.

Também é aconselhável o consumo de verduras em estado cru para que elas não percam muitas das suas propriedades.

Exemplos de verduras

Lista de alguns dos principais exemplos de verduras:

  • Acelga
  • Alface
  • Agrião
  • Brócolis
  • Couve
  • Couve-flor
  • Espinafre
  • Hortelã
  • Rúcula
  • Salsão

O que são legumes?

Os legumes se caracterizam por serem vegetais que podem ter seus frutos desenvolvidos tanto na parte exterior da terra como abaixo da terra.

Eles são compostos pelas raízes, tubérculos, frutos e caules, que possuem um tempo maior de duração para o consumo.

Legumes

As partes comestíveis dos legumes são os frutos, as sementes ou as raízes, sendo que podem ser consumidas de diversas formas: cruas, cozidas, fritas, no vapor, entre outras maneiras.

Além disso, os legumes possuem categorias que, dependendo da sua classificação, podem chegar até 20% de carboidratos.

Tipos de legumes

  • Frutos: são vegetais, em sua maioria salgados, que contém sementes.
  • Raízes: vegetais onde a parte comestível cresce debaixo da terra.
  • Tubérculos: é uma espécie de raiz que armazena uma determinada quantidade de nutrientes energéticos.
  • Leguminosas: espécie de grãos que se encontram nas vagens.
  • Cereais: são compostos por sementes ou grãos.
  • Oleaginosas: sementes com alto teor calórico.

Saiba mais sobre a diferença de fruta e fruto e veja o que é vegano e o que um vegano come.

Exemplos de legumes

Na tabela abaixo encontramos alguns exemplos de legumes, de acordo com a sua categoria:

Categoria Legumes
Frutos Abóbora, Berinjela, Chuchu, Tomate, Pepino
Raízes Beterraba, Cenoura, Mandioca, Cebola
Tubérculos Batata-Inglesa
Leguminosas Feijão, Grão de Bico, Ervilha, Soja
Cereais Arroz, Trigo, Milho
Oleaginosas Castanha-de-caju, Castanha-do-pará, Nozes, Amêndoas

Diferença entre legumes e frutas

fruta e fruto

É comum haver alguma confusão entre as frutas e os frutos. Ambos possuem algumas diferenças importantes quanto às suas funções e constituições.

O fruto tem sua origem do ovário maduro das flores, que após o processo da fecundação, desenvolve-se de maneira a dar os frutos, que tem como função principal proteger as sementes e as auxiliar em sua dispersão.

Já a fruta não possui um significado botânico e é o nome popularmente designado às partes suculentas e adocicadas que se originam das flores, mas que nem sempre se desenvolvem do ovário.

Desta forma, os frutos comestíveis (classificados como legumes) são aqueles que possuem menor teor de açúcar em comparação às frutas.

Quando essas estruturas suculentas se formam de outras partes da flor, são denominadas de pseudofrutos. No caju, por exemplo, a parte suculenta desenvolve-se do pedúnculo de uma única flor, e o fruto é a castanha.

Veja também:

Data de atualização: 18/02/2021.