Significado de Oráculo

O que é Oráculo:

Oráculo é o substantivo masculino que significa uma previsão do futuro, ou a pessoa ou entidade que faz essa previsão. Também pode indicar a vontade ou palavra de Deus ou de alguma divindade.

A atividade de um oráculo está relacionada com a adivinhação do futuro e vaticínio, com a revelação de coisas ocultas ou da vontade dos deuses.

Além disso, um oráculo poderia ser uma classe de pessoas, como sacerdotes e pitonisas; um lugar específico, como um túmulo ou templo; ou um ritual, como a observação de cartas, dados, cadáveres ou vísceras de animais. Algumas vezes, os oráculos eram feitos através da interpretação de sonhos, do voo dos pássaros, e da leitura das mãos.

Na Grécia Antiga e em Roma, o oráculo era o veredito ou resposta à pergunta que era feita a algum deus ou divindade. A palavra oráculo também poderia se referir à própria divindade ou ao local onde a previsão era feita.

Na antiguidade, os oráculos mais conhecidos foram o oráculo de Delfos (importante cidade grega, dedicada ao Deus Apolo), os oráculos de Zeus (em Olímpia e Dodona), o oráculo de Ámon, localizado no deserto da Líbia.

Em sentido figurado a palavra oráculo também pode ser sinônimo de profecia ou revelação. Também serve para classificar uma pessoa que tem muita autoridade ou uma decisão incontestável.

A expressão "falar como um oráculo" significa falar com eloquência, de forma acertada. Ex: O líder do partido falou como um oráculo, e conseguiu muitos votos.

Atualmente, muitas pessoas querem saber o seu futuro em diversas áreas, como no amor por exemplo. Nestes casos é comum ouvir a expressão "oráculo do amor", que indica uma previsão do futuro, através de atividades místicas ou esotéricas, como horóscopo e tarot.

Oráculo de Delfos

O oráculo de Delfos foi o mais importante óraculo construído na Grécia, em Delfos, antiga cidade da Fócida. Edificado no século VII a.C., o oráculo de Delfos era visitado por milhares de pessoas, que procuravam respostas dos deuses para várias perguntas.

A cidade de Delfos não era apenas importante no contexto religioso, mas também no âmbito político, já que teve uma forte influência política em outras cidades, sendo também muito importante no processo de colonização.

Perde grande parte da sua importância em 450 a.C. e depois de ter sido saqueada pelos Focenses, passou a ser controlada pelo Império Romano.

Data de atualização: 06/02/2017.