Significado de Darwinismo

O que é Darwinismo:

Darwinismo é o nome dado ao conjunto de estudos e teorias do naturalista britânico Charles Darwin (1809 - 1882), considerado o "pai da Teoria da Evolução".

O darwinismo, ou também conhecido por Evolucionismo, surgiu em oposição a ideia do Criacionismo, que alega que todas as criaturas vivas na Terra surgiram a partir de uma criação de Deus.

A doutrina darwinista diz que os ambientes "selecionam" os organismos mais adequados para habitar determinado lugar, o que Darwin chamou de "seleção natural".

As espécies que forem aptas ou demonstrarem mais facilidade em sobreviver a determinados ambientes, se multiplicam, evoluem e seus descendentes serão os dominadores daquela região. Os organismos que não forem capazes de se adaptar ao meio-ambiente em que estão inseridos, serão extintos.

A capacidade de reprodução dos organismos, segundo as observações de Darwin, é maior do que a capacidade do meio-ambiente de proporcionar condições favoráveis para o seu sustento, como alimentos e abrigo, por exemplo.

Com esta observação e experiências científicas, Darwin concluiu que na "eterna luta" pela sobrevivência, sempre existiram variações entre as espécias que proporcionam maior facilidade de sobrevivência em comparação às outras. Estes fatores auxiliam na propagação desses organismos mais adaptados, eliminando os mais fracos.

Saiba mais sobre o significado de Evolucionismo.

Darwinismo e Neodarwinismo

Na contemporaneidade, muitos naturalistas falam do neodarwinismo como uma "adaptação" da Teoria da Evolução de Darwin.

O neodarwinismo, conhecido também por Teoria Sintética ou Mutualismo, surgiu a partir das descobertas dos genes e do DNA humana, e diz que as mutações genéticas e a seleção natural funcionam apenas como um meio para que possam surgir novas espécies de seres vivos na Terra.

Darwinismo Social

Darwinismo Social é um pensamento sociológico que surgiu no final do século XIX e começo do XX, que tentava explicar a evolução da sociedade humana se baseando na teoria da evolução proposta por Charles Darwin.

Regado de preconceitos, o darwinismo social acreditava que existiam sociedades humanas superiores a outras, e que estas deveriam "dominar" as inferiores com o objetivo de "civilizá-las" e ajudá-las no seu "desenvolvimento".

Os pensadores pró-darwinismo social alegavam que as populações europeias, por exemplo, tinham capacidades de evolução superiores ao povo da África, por causa da revolução tecnológica e científica que estava ocorrendo na Europa. Assim, os demais povos estariam condicionados à "seres primitivos", não possuindo capacidade para o progresso da humanidade.

Este conceito foi bastante utilizado para tentar explicar a pobreza durante o período pós-Revolução Industrial. Os que permaneram ou ficaram pobres seriam os menos aptos na linha evolutiva, de acordo com o darwinismo social.

O significado de Darwinismo está na categoria: Ciência