6 Exemplos de Ambiguidade

A ambiguidade é a característica de uma palavra que tem duplo sentido ou que gera dúvida quanto ao seu significado. Uma frase ou palavra ambígua costuma gerar incerteza a respeito do que é falado.

A ambiguidade pode ser lexical ou estrutural. É lexical quando a palavra usada tem mais de um significado, é estrutural quando a forma como a palavra foi colocada na frase causa dúvida quando ao significado usado.

Veja alguns exemplos de ambiguidade:

1. João foi atrás do táxi correndo

Nessa frase a ambiguidade acontece pelo uso da palavra correndo. Pela forma como a palavra foi colocada não é possível ter certeza sobre o sentido real da frase.

Existem duas interpretações possíveis: João precisou correr atrás do táxi para conseguir alcançá-lo ou o táxi estava correndo em alta velocidade e João precisou ir atrás dele.

Para acabar com a ambiguidade a frase poderia ser escrita assim: 

  • João, correndo, foi atrás do táxi.
  • João foi atrás do táxi que passou correndo.

2. Ana encontrou o gerente da loja com o seu irmão 

Nesse exemplo o duplo sentido da frase acontece em relação à expressão seu irmão.

Da maneira como a frase foi escrita não é possível saber se o irmão na frase é irmão de Ana ou irmão do gerente da loja.

Soluções de escrita para deixar a frase sem ambiguidade:

  • Ana encontrou o seu irmão com o gerente da loja.
  • Ana encontrou o gerente da loja com o irmão dele. 

3. Meu pai foi embora da loja de sapatos

Esse exemplo também deixa dúvida quanto ao sentido em que a palavra sapatos foi usada. Da maneira como a frase está escrita não é possível afirmar que se trata de uma loja que vende sapatos ou se o pai foi embora da loja já usando os sapatos novos.

Para acabar com a ambiguidade a frase poderia ser reescrita assim:

  • Meu pai foi embora da loja usando seus sapatos.
  • Meu pai foi embora da loja que vende sapatos.

4. Ele sentou na cadeira e quebrou o braço

Esse é um exemplo de ambiguidade lexical, já que a palavra braço pode assumir mais de um significado: braço da cadeira ou braço da pessoa. Na construção dessa frase não fica claro qual foi o braço quebrado.

Para solucionar a ambiguidade:

  • Ele sentou e o braço da cadeira quebrou.
  • Ele sentou na cadeira e quebrou o próprio braço.

5. Eu visitei a igreja do país que sofreu o atentado

Esse é mais um exemplo de ambiguidade que acontece pela maneira como a frase foi estruturada. Nessa situação fica a dúvida se foi a igreja ou o país que sofreu o atentado.

A frase poderia ser escrita de outras formas para acabar com a ambiguidade.

  • Eu visitei a igreja que sofreu o atentado.
  • Eu visitei uma igreja naquele país que sofreu o atentado.

6. Ficou combinado que nos encontraremos no banco

Esse é outro exemplo de uma ambiguidade lexical porque a palavra banco pode ter mais de um significado. No caso dessa frase não é possível saber em qual banco foi marcado o encontro.

Soluções de reescrita da frase:

  • Ficou combinado que nos encontramos no banco da praça central.
  • Ficou combinado que nos encontraremos no banco onde pedimos empréstimo.

Veja também os significados de Ambíguo, Ambiguidade e Desambiguação.

Data de atualização: 15/03/2018. 6 Exemplos de Ambiguidade está na categoria: Língua Portuguesa