Estações do ano: quais são e quando começam

As estações do ano são períodos, de cerca de três meses cada, que possuem características climáticas específicas. São elas: verão, outono, inverno e primavera.

Essas mudanças no clima e na temperatura marcam os períodos em que os hemisférios da Terra, Norte e Sul, recebem mais ou menos luz solar.

O verão no Hemisfério Sul, onde está o Brasil, começa em 20 ou 21 de dezembro. É a estação do ano mais quente e com os dias mais longos.

A outono inicia em 20 ou 21 de março. É a estação de temperaturas mais amenas e com queda da umidade do ar.

O inverno começa em 20 ou 21 de junho, sendo a estação de clima frio e seco.

Já a primavera tem início em 22 ou 23 de setembro. Assim como o outono, é uma estação de clima ameno, mas com o aumento gradual da umidade do ar.

Verão

menina brinca na praia durante o verao
O verão é a estação do ano que mais recebe incidência solar.

Quando acontece:

  • Hemisfério Sul: começa em 20 ou 21 de dezembro e acaba em 20 ou 21 de março.
  • Hemisfério Norte: começa em 20 ou 21 de junho e acaba em 22 ou 23 de setembro.

O verão é a estação em que se recebe mais luz solar. Os dias são mais longos e as temperaturas mais altas. Há também o aumento da umidade do ar, pois o calor faz com que o fenômeno da evaporação das águas aconteça mais rápido.

Com a umidade maior, há mais chuvas, que costumam ser rápidas, mas fortes. São as chuvas de verão.

O verão do Hemisfério Sul é chamado verão austral, enquanto o do Hemisfério Norte é o verão boreal.

Outono

mulher joga folhas secas para o alto durante um dia de outono
Os principais símbolos do outono são as folhas secas e as árvores alaranjadas.

Quando acontece:

  • Hemisfério Sul: começa em 20 ou 21 de março e acaba em 20 ou 21 de junho.
  • Hemisfério Norte: começa em 22 ou 23 de setembro e acaba em 20 ou 21 de dezembro.

O outono é uma estação intermediária. É a estação que prepara, aos poucos, a mudança do verão para o inverno. Durante o outono, as temperaturas antes altas vão caindo gradativamente, assim como a umidade. Tem-se um clima brando e mais seco. Os dias também ficam mais curtos.

Ao longo do outono, a flora começa a se preparar para o inverno: as folhas das árvores ficam amarelas e depois caem, a fim de economizar energia para a próxima estação, o inverno, que é mais severo.

Neste período, os Hemisférios Norte e Sul da Terra estão recebendo praticamente a mesma quantidade de luz solar.

O outono do Hemisfério Sul é chamado outono austral, já o do Hemisfério Norte é outono boreal.

Inverno

Pai e filha constroem um boneco de neve
A queda de neve só acontece em épocas de muito frio, a temperatura tem de estar abaixo dos 0ºC.

Quando acontece:

  • Hemisfério Sul: começa em 20 ou 21 de junho e acaba em 22 ou 23 de setembro.
  • Hemisfério Norte: começa em 20 ou 21 de dezembro e acaba em 20 ou 21 de março.

O inverno é a estação em que a incidência dos raios solares é menor, provocando a queda das temperaturas e diminuição da umidade do ar.

Em alguns locais há a ocorrência de neve, que acontece quando a água nas nuvens acaba congelando devido à baixa temperatura. A água passa para o estado sólido, formando cristais de gelo, e cai como neve.

O inverno nos polos da Terra são extremamente rigorosos, com baixíssima incidência de luz solar. As extensas superfícies de gelo ajudam a diminuir ainda mais temperatura, pois refletem parte da pouca luz que chega à região, causando temperaturas ainda mais baixas.

Durante o inverno, tanto o Polo Norte, quanto o Sul ficam sem ter luz do sol. São 24h de noite.

O inverno do Hemisfério Sul é chamado inverno austral, enquanto o do Norte é chamado inverno boreal.

Primavera

mulher observa flores durante a primavera
A primavera é conhecida pelo reflorescimento das folhas e flores, que caíram durante o outono.

Quando acontece:

  • Hemisfério Sul: começa em 22 ou 23 de setembro e acaba em 20 ou 21 de dezembro.
  • Hemisfério Norte: começa em 20 ou 21 de março e acaba em 20 ou 21 de junho.

Assim como o outono, a primavera é uma estação intermediária. É a responsável pela transformação das características do inverno para o verão. Na primavera, os dois hemisférios do planeta recebem praticamente a mesma incidência de raios solares.

As temperaturas são amenas e aos poucos vão aumentando com a proximidade do verão. Assim como a umidade.

A primavera é conhecida como a estação das flores. Após o inverno, em que a flora estava sem as folhas para economizar energia e sobreviver às baixas temperaturas, a chegada da primavera traz calor e umidade, permitindo que as folhas e as flores possam crescer novamente e se reproduzir.

Alguns animais, que costumam hibernar no inverno, acordam e saem dos seus abrigos. É o caso dos morcegos, esquilos terrestres e alguns tipos de ursos.

A primavera no Hemisfério Sul é conhecida como primavera austral. Enquanto a do Hemisfério Norte é a primavera boreal.

Ordem das estações

No Brasil e em todo o Hemisfério Sul, as estações do ano acontecem na seguinte ordem, a contar do início do ano (janeiro):

Verão - outono - inverno - primavera.

No Hemisfério Norte, as estações acontecem ao contrário: enquanto no Brasil o ano começa com o calor do verão, no Norte é o inverno que está acontecendo. E assim por diante: depois será a primavera, o verão e o outono.

Estações do ano no Brasil

O Brasil tem um clima tropical. O país se encontra entre o Trópico de Câncer, no Norte, e o Trópico de Capricórnio, ao Sul, o que faz com que seja classificado dessa forma.

As temperaturas costumam ser mais altas do que no resto do globo, acima dos 20 °C. As chuvas também são recorrentes.

No clima Tropical existem sub-climas que caracterizam as diferenças de temperatura e chuva nas diferentes regiões do Brasil. Entretanto, de forma geral, o país não tem as estações do ano bem definidas.

Pode-se dizer que o Brasil tem somente dois períodos climáticos: um com mais calor e chuva, que seria o verão, e outro mais seco, o inverno.

A proximidade com a Linha do Equador faz com que o Brasil receba durante o ano aproximadamente a mesma quantidade de luz solar. Especialmente as regiões Norte e Nordeste.

Entretanto, a região Sul já está localizada em uma área temperada, abaixo do Trópico de Capricórnio. Nos estados do Sul do Brasil as estações do ano são bem definidas.

Leia mais sobre as características do clima tropical.

Por que as estações do ano existem?

Essas mudanças do clima acontecem por duas razões: a primeira é o movimento que o planeta Terra faz em torno do sol, chamado translação.

Esse movimento dura aproximadamente 365 dias. Portanto, enquanto a Terra gira em torno do sol, há uma parte do planeta que fica mais exposta à luz solar, enquanto a outra parte recebe menos luz.

O outro fator que provoca esse fenômeno é a inclinação do eixo da Terra, de cerca de 23º. A inclinação acentua a maior ou menor exposição da Terra ao sol. Devido ao ângulo em que a Terra se encontra, os extremos norte e sul do planeta não recebem luz solar durante o seu inverno, por exemplo.

Movimento de translação da Terra em volta do sol e
Estações do ano como resultado do Movimento de Translação da Terra.

O verão se caracteriza por ser a estação em que se recebe mais luz solar. Já o inverno é a estação em que se recebe menos luz. O outono e a primavera são estações intermediárias, nesses períodos os dois hemisférios da Terra, Norte e Sul, recebem praticamente a mesma quantidade de luz.

Solstícios e Equinócios

Os solstícios e equinócios são os dias em que acontecem as mudanças de estação de ano. Os solstícios marcam a mudança para o verão ou inverno. São os períodos em parte da Terra irá receber mais ou menos incidência solar.

  • Solstício de verão no Hemisfério Sul: 20 ou 21 de dezembro.
  • Solstício de inverno no Hemisfério Sul: 20 ou 21 de junho.
  • Solstício de verão no Hemisfério Norte: 20 ou 21 de junho.
  • Solstício de inverno no Hemisfério Norte: 20 ou 21 de dezembro.

As datas são sempre as mesmas nos dois hemisférios, mas estão ao contrário. Enquanto no Hemisfério Sul é verão, no Hemisfério Norte é inverno e vice-versa.

Os equinócios marcam o momento em que a incidência de sol fica equivalente em todo o planeta. Trata-se do início das estações intermediárias: outono e primavera.

Assim como nos solstícios, as datas dos equinócios são as mesmas, mas sempre estão ao contrário quando se comparam os hemisférios. Enquanto é outono no Hemisfério Sul, é primavera no Hemisfério Norte e quando for outono no Norte, será primavera no Sul do globo.

  • Equinócio de outono no Hemisfério Sul: 20 ou 21 de março.
  • Equinócio de primavera no Hemisfério Sul: 22 ou 23 de setembro.
  • Equinócio de outono no Hemisfério Norte: 22 ou 23 de setembro.
  • Equinócio de primavera no Hemisfério Norte: 20 ou 21 de março.

Conheça mais sobre as diferenças entre os solstícios e os equinócios.

Sol da meia-noite e Noites brancas

sol da meia durante o verão no hemisfério norte
O sol da meia-noite pode ser visto em lugares como a Noruega, Finlândia, Islândia e Canadá.

O sol da meia-noite é um fenômeno que acontece próximo aos polos da Terra. O solstício de verão, tanto no Sul quanto no Norte, marca o período em que essas regiões recebem maior incidência de luz solar.

Devido à inclinação do eixo da Terra, durante esse período, os polos irão receber luz constantemente, fazendo com o sol nunca se ponha.

Por isso, é possível ver o sol quando o relógio marca zero horas, ou seja, o que seria a meia-noite.

As Noites Brancas são um famoso festival cultural que acontece em São Petersburgo, na Rússia. A festa se chama assim por comemorar o Solstício de verão nos dias em que o sol nunca se põe, em um eterno entardecer.

Há fogos de artifício, música e atividades culturais ao ar livre por toda a cidade.