Fobia

O que é um fobia:

Fobia é um sentimento exagerado de medo e aversão por algo ou alguém. A palavra fobia pode ser considerada um sinônimo de medo extremo.

A fobia é normalmente tratada como uma patologia, considerada uma doença psicológica e que causa medo mórbido, repulsa e angústia intensa de algo, de um lugar, de uma condição, de um sentimento, etc.

Cada fobia tem um nome específico. Exemplos: aracnofobia (medo de aranhas), claustrofobia (medo de lugares fechados ou com muitas pessoas), coulrofobia (medo de palhaços), acrofobia (medo de altura), catsaridafobia (medo irracional de baratas), aicmofobia / aiquimofobia / belonofobia (medo de agulhas ou injeções) e nictofobia (medo do escuro).

A palavra fobia se originou a partir do grego phóbos, que significa "medo" ou "terror".

Entenda o que é Fobia Social

A fobia social é um transtorno comportamental caracterizado pelo intenso medo e ansiedade de manter contato ou de estar inserido em um grupo social desconhecido.

As pessoas que sofrem com fobia social não conseguem suportar a ideia de serem analisadas ou avaliadas por outras pessoas, temendo a reprovação. Esse receio extremo acaba por afetar a vida dessas pessoas, que se isolam e têm grandes dificuldades em manter uma vida social normal.

Atividades corriqueiras como comer, falar, andar ou mesmo escrever passa a ser um desafio para quem sofre com fobia social, quando estão sob olhares de algum desconhecido.

Ao contrário da fobia social, a timidez é um sentimento compartilhado por todos os seres humanos, em níveis e situações diferentes. Na realidade, a timidez é bastante normal quando um indivíduo está em um ambiente diferente ou novo, do qual ainda não está habituado.

Porém, a tendência é ir se adaptando e se familiarizando com o novo local ou com as novas pessoas, fazendo com que o medo e a insegurança vá desaparecendo aos poucos.

No entanto, o que distingue uma pessoa tímida de uma com fobia social são as consequências que o medo de conviver em sociedade pode acarretar para a vida do indivíduo. Por exemplo, um comportamento esperado de um indivíduo com fobia social seria de desistir de um curso ou sair da escola por medo de apresentar um trabalho em frente a turma.

O tratamento da fobia social, assim como os outros tipos de fobia, deve ser feito e acompanhado por psicólogos ou psiquiatras, através de sessões de terapias ou, em alguns casos, medicamentos.

Exemplos de fobias

  • Claustrofobia: medo de espaços fechados.
  • Aracnofobia: medo de aranhas.
  • Acrofobia: medo de alturas.
  • Aicmofobia / aiquimofobia / belonofobia: medo de agulhas ou injeções.
  • Nictofobia: medo do escuro.
  • Papyrofobia: medo irracional de papéis.
  • Metrofobia: medo irracional de poemas e poesias.
  • Efebofobia: medo irracional que algumas pessoas sentem de estar próximas de outras pessoas mais jovens.
  • Somnifobia: medo de dormir. As pessoas com essa fobia temem nunca mais acordar, caso durmam, ou que acordem com algum tipo de doença mental.
  • Onomatofobia: medo irracional de pronunciar ou escutar algumas palavras.
  • Filofobia: medo de amar.

Veja também: medo

Outros conteúdos que podem interessar