Hierarquia militar no Brasil

As Forças Armadas, nos termos do artigo 142 da Constituição Federal, são formadas pela Marinha, Exército e Aeronáutica, que devem se organizar com base na hierarquia e disciplina.

Nesse sentido, o mesmo artigo afirma que a organização hierárquica dessas instituições deverá ser estabelecida em Lei Complementar, deixando claro que a autoridade máxima de cada uma delas é o Presidente da República.

Dessa forma, complementando a Constituição, o Estatuto dos Militares (Lei n° 6.880/80) dispõe de forma detalhada sobre a hierarquia militar no Brasil, ilustrada a seguir:

Marinha

Hierarquia Marinha

Exército

Hierarquia Exército

Aeronáutica

Hierarquia Aeronáutica

Em todas as Forças Armadas, a graduação de patentes segue critérios de antiguidade bem definidos no Estatuto dos Militares. Além disso, vale mencionar que o artigo 16, parágrafo 2º da lei prevê que os postos máximos (Almirante, Marechal e Marechal-do-Ar) só serão providos em tempo de guerra

Polícias e corpos de bombeiros militares

Além das Forças Armadas, a Constituição prevê em seu artigo 42 a existência de polícias e corpos de bombeiros militares em âmbito estadual, que também são pautadas na hierarquia e disciplina. Estruturalmente, as duas instituições são organizadas da mesma forma e com os mesmos cargos.

Hierarquia Polícia e Bombeiros Militares

Considerando que os órgãos são estaduais, a cor das insígnias pode variar de acordo com o estado.

Data de atualização: 10/04/2018. Hierarquia militar no Brasil está na categoria: Geral