Informática

O que é informática?

Informática é uma área de informação digital, que inclui os processos de recolha, armazenamento, processamento, transferência e difusão de dados.

O termo é a reunião das palavras informação e automática, por isso, pode ser resumido como a informação tratada por meios automáticos.

A informática, suas inovações e seus dispositivos fazem parte de todas as áreas da nossa vida e serve como ferramenta de trabalho, estudo e de entretenimento.

O que é informática básica?

A informática básica ensina os conceitos fundamentais dos computadores, noções importantes que facilitam a vida e a organização do trabalho.

Hoje em dia, o conhecimento de informática básica é um requisito comum para muitas vagas de emprego. Ter conhecimentos básicos de informática significa saber:

  • usar um computador;
  • acessar a internet;
  • usar navegadores e motores de busca;
  • criar e salvar arquivos;
  • organizar pastas;
  • criar planilhas e gráficos básicos;
  • conectar dispositivos em cabo USB;
  • ter noções sobre o sistema operacional do computador.

Os conceitos básicos mais importantes

Para entender o básico sobre informática, é preciso saber que existem dois tipos básicos de dispositivos: hardware e software.

O hardware é a máquina, formada por componentes eletrônicos e todas as peças e periféricos que fazem parte do computador. Pode ser um computador de mesa (desktop) ou portátil (notebook).

Os softwares são tão importantes quanto o hardware, são os programas desenvolvidos para fazer o computador funcionar e executar as atividades.

Outros conceitos de informática básica são:

  • sistema operacional: é o software mais importante, que faz o computador funcionar e permite que outros programas sejam instalados e funcionem;
  • CPU: outra parte muito importante, responsável pelo processamento dos dados armazenados no computador;
  • monitor: é a tela do computador;
  • memória RAM: memória usada para armazenamento, possui capacidades diferentes de acordo com o tipo de computador;
  • disco rígido (HD): dispositivo onde ficam armazenados todos os dados e programas do computador;
  • placa-mãe: responsável pelo funcionamento conjunto do computador;
  • processador: dispositivo que faz o processamento dos dados do computador;
  • HD externo: dispositivo portátil de armazenamento de dados com grande capacidade, conectado por cabo com entrada USB;
  • USB: é a porta de entrada do cabo para conexão com outros dispositivos, como impressoras ou carregadores;
  • pen drive: é um dispositivo portátil de armazenamento de dados, é usado para salvar documentos e transferi-los para outros computadores.

Para que serve a informática?

Como é uma área muito vasta, que engloba a pesquisa e a criação de diferentes tecnologias, a informática facilita a vida e as atividades das pessoas e de toda sociedade. Ela coloca a tecnologia a serviço das pessoas e simplifica atividades de trabalho e estudo, além de ser uma fonte de entretenimento (filmes e jogos, por exemplo).

A informática garante mais facilidade e agilidade para lidar com a informação. Criar, melhorar, acessar, armazenar e distribuir dados ou qualquer tipo de informação é mais fácil e rápido.

A informática abrange muitas áreas de atuação, como:

  • programação;
  • análise de sistemas;
  • desenvolvimento de hardware;
  • tecnologia da informação (TI);
  • manutenção de computadores;
  • inteligência artificial.

Esses são só alguns exemplos, já que a informática está presente no nosso cotidiano e em quase todas as atividades que fazemos diariamente.

Conheça um pouco mais sobre Tecnologia da informação e Inteligência artificial.

Como surgiu a informática?

A história da informática começa antes do surgimento do primeiro protótipo de um computador, que só foi criado no início da década de 1930. O princípio que levou ao desenvolvimento desse tipo de tecnologia é bem mais antigo, quando surgiu a necessidade de criar um dispositivo que pudesse fazer cálculos rapidamente.

A criação da primeira calculadora, que era baseada em algoritmos matemáticos e foi inventada pelo matemático francês Blaise Pascal (1623-1662) em 1642 é reconhecida como a primeira criação da informática. A criação de Pascal foi chamada de Pascaline.

A Terceira Revolução Industrial (entre as décadas de 1950 e 1970) representa um momento fundamental na história da informática. Nessa época, surgiram tecnologias avançadas que mais tarde originaram e popularizam os computadores pessoais, arquivos digitais, internet e a comunicação virtual que conhecemos hoje.

Já o matemático inglês Alan Turing (1912-1954) criou os primeiros conceitos da ciência da computação e do uso de algoritmos.

ENIAC: o primeiro computador digital

O Computador e Integrador Numérico Eletrônico (Electronic Numeral Integrator and Computer - ENIAC) foi o primeiro computador digital do mundo, mas em nada se parecia com os computadores que conhecemos hoje.

Pesava cerca de 30 toneladas e ocupava um espaço de 150 m2 e, apesar do tamanho, tinha memória de apenas 200 bits.

Foi desenvolvido durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945) e começou a operar em 1947. Foi criado por John William Mauchly (1907-1980) e John Presper Eckert (1919-1995).

Foi encomendado e usado pelo exército americano para processar dados sobre pesquisas táticas. Funcionava com um sistema manual de perfuração de cartões e tinha capacidade de fazer até 5000 operações por segundo e esteve em atividade por dez anos.

ENIAC primeiro computadorRuth Teitelbaum (1924-1986) e Marlyn Meltzer (1922-2008), funcionárias do exército americano, operando o ENIAC.

Resumo da evolução da informática em quatro períodos

A história da informática pode ser contada pela evolução dos computadores. É dividida em quatro etapas, chamadas de gerações:

  • Primeira geração (1951/1959): os primeiros computadores apresentavam muitos problemas, como alto consumo de energia, baixa velocidade de processamento e pouca memória. Ainda assim, representaram o avanço da informática na década de 1950. O ENIAC faz parte dessa primeira geração.
  • Segunda geração (1959/1965): os computadores da segunda geração ficaram um pouco menores e já consumiam menos energia, mas ainda ocupavam grandes espaços e apresentavam problemas parecidos com os da primeira geração. Foram os primeiros computadores usados em atividades comerciais.
  • Terceira Geração (1965/1975): os computadores ficaram ainda mais leves e menores e foram incrementados com inovações tecnológicas importantes, como o chip. Eram dispositivos mais rápidos e com mais capacidade de processamento e armazenamento. Foi nesse período que surgiram os primeiros computadores de uso pessoal.
  • Quarta geração (1975 em diante): a partir da década de 1970, a evolução da informática tem sido veloz, com a criação de inúmeras tecnologias e dispositivos cada vez mais rápidos, inteligentes e eficientes, e a comercialização dos computadores cresceu como nunca. Internet e robótica são duas áreas que surgiram nessa época.

Para entender mais sobre a evolução da informática, veja o artigo sobre a Terceira Revolução Industrial.

Data de atualização: 20/04/2020.