Teoria da Relatividade

O que é a Teoria da Relatividade?

Teoria da Relatividade é um conjunto de estudos feitos pelo físico alemão Albert Einstein (1879-1955), que definem uma relação entre espaço e tempo, sendo ambos de caráter relativo e não estático.

Resumidamente, a Teoria da Relatividade afirma que o tempo não é igual para todos, podendo mudar de acordo com três variáveis: velocidade, gravidade e espaço.

A Teoria da Relatividade de Einstein é formada pela junção de duas outras teorias:

  • Teoria da Relatividade Restrita (ou Especial): publicada pela primeira vez em 1905.
  • Teoria da Relatividade Geral: publicada em 1915.

EinsteinO físico Albert Einstein: criador da Teoria da Relatividade.

Teoria da Relatividade Restrita

A principal ideia da Relatividade Restrita é que a velocidade da luz é uma constante igual para todo o universo. Este conceito também afirma que o espaço e o tempo não são grandezas absolutas, mas totalmente subjetivas.

Entre os seus principais pressupostos, a teoria da Relatividade Geral afirma que a gravidade nada mais é do que a distorção que determinada massa provoca no “tecido” do espaço.

Quando determinado objeto se movimenta a grande velocidade pelo espaço, criam-se as chamadas ondas gravitacionais.

Postulados da Teoria da Relatividade Restrita

A Teoria é fundamentada em dois postulados:

  1. As leis da física são as mesmas em qualquer referencial inercial.
  2. A velocidade da luz no vácuo (300.000 km/s) é a mesma em todos os referenciais inerciais.

A Teoria da Relatividade Restrita é baseada em referências de inércia, ou seja, aquelas relacionadas com a Primeira Lei de Newton (ou lei da inércia). Segundo essa lei, os corpos tendem a se manter em movimento com velocidade ou em repouso se não for aplicada nenhuma força sobre eles.

Exemplo da Teoria da Relatividade Restrita

Um exemplo bastante famoso e que ajuda a esclarecer alguns dos princípios da Teoria da Relatividade é o Paradoxo dos Gêmeos.

O exemplo descreve dois irmãos gêmeos na Terra, sendo que um deles é posto numa aeronave em direção a um local distante na galáxia. Ele viaja na velocidade da luz, enquanto o outro permanece no planeta.

Quando regressar à Terra, o irmão que viajou estará muitos anos mais jovem do que o outro.

Isso aconteceria porque tempo passa mais rápido quando um corpo permanece em inércia, no entanto, este tempo vai diminuindo proporcionalmente à velocidade que um objeto se move. Quando se atinge a velocidade da luz (aproximadamente 1,07 bilhão de Km/h), o tempo simplesmente deixa de passar.

Teoria da Relatividade Geral

Essa Teoria foi desenvolvida por Einstein dez anos após a publicação da Teoria da Relatividade Restrita, a partir da mudança dos referentes observados - até então inerciais. Nesse momento, ao contrário do que fez na teoria anterior, ele passou a considerar os referentes chamados não inerciais.

A maior diferença em relação à Teoria Restrita é sua percepção sobre o espaço curvo (ou curvatura). Einstein observou que a existência de matéria era capaz de gerar uma curvatura na noção de espaço e tempo.

Ele constatou que existe uma curvatura que é produzida ao redor dos corpos, sendo esta proporcional à massa do corpo. Assim, ele concluiu que: quanto maior for a massa de um determinado corpo, maior será a curvatura espaço-tempo.

Veja também:

Data de atualização: 05/05/2020.