Significado de Filogenia

O que é Filogenia:

Filogenia ou filogênese é o estudo das relações entre diferentes grupos de organismos e seu desenvolvimento evolutivo. A filogenia tenta traçar a história evolutiva de toda a vida no planeta.

É baseado na hipótese filogenética de que todos os organismos vivos compartilham uma ancestralidade comum.

As relações entre os organismos são descritas no que é conhecido como uma árvore filogenética.

Porém, as evidências para tais relações são quase sempre incompletas, pois a grande maioria das espécies que já viveu está extinta e relativamente poucos de seus restos mortais foram preservados no registro fóssil.

A maioria das filogenias são, portanto, hipóteses baseadas em evidências indiretas.

Como funciona a árvore filogenética?

Em uma árvore filogenética, ou cladograma, as espécies ou grupos de interesse, são encontrados nas pontas das linhas referidas como galhos da árvore.

Por exemplo, a árvore filogenética abaixo representa relações entre cinco espécies, A, B, C, D e E, posicionadas nas extremidades dos galho.

treephilo

Como os galhos se conectam representa nossa compreensão de como as espécies na árvore evoluíram a partir de uma série de ancestrais comuns.

Em cada ponto de ramificação, está o ancestral comum mais recente de todos os grupos descendentes desse ponto de ramificação.

philo2

Por exemplo, no ponto de ramificação que deu origem às espécies A e B, encontraríamos o ancestral comum mais recente dessas duas espécies.

No ponto mais distante do ramo esquerdo, encontraríamos o ancestral comum mais recente de todas as espécies da árvore. Nem todas as árvores filogenéticas têm a mesma aparência.

Algumas são irregulares, como a árvore à esquerda abaixo. Outros usam linhas diagonais, ou de qualquer tipo, orientadas verticalmente ou viradas de lado, como a árvore em blocos.

A orientação da árvore filogenética não altera as informações na árvore.

exemplosExemplos de diferentes tipos de árvores filogenéticas

Fatos importantes sobre a árvore filogenética

  • Árvores filogenéticas são hipóteses de parentesco: embora seja compreendido que os organismos modernos evoluíram a partir de organismos antigos, o caminho dessa evolução às vezes é o melhor palpite, com base na quantidade de evidências disponíveis no momento. Quanto mais for descoberto sobre a linhagem de um conjunto de organismos, mais precisas as árvores filogenéticas se tornam;
  • As árvores filogenéticas não se baseiam apenas em características físicas: para criar uma árvore filogenética, os cientistas costumam comparar e analisar muitas características das espécies ou outros grupos envolvidos. Embora isso possa incluir traços físicos internos e externos, também pode incluir outros fatores como comportamento ou sequências de DNA.

As aplicações da filogenia no mundo moderno

Um desenvolvimento empolgante em filogenética é a aplicação de filogenias a vários problemas modernos. Na medicina, filogenias têm sido usadas para rastrear as origens e taxas de transmissão de doenças infecciosas, como AIDS, influenza e dengue.

As filogenias desenvolvidas a partir de genética molecular têm sido particularmente úteis na biologia da conservação para identificar a distinção evolutiva de espécies ameaçadas de extinção, a paternidade em programas de melhoramento em cativeiro e os níveis de hibridação e endogamia entre espécies.

As análises filogenéticas também foram usadas como evidência admissível em casos de tribunais criminais envolvendo a determinação da transmissão viral intencional.

Veja também:

Data de atualização: 02/09/2019.