Gêneros Textuais

O que são Gêneros Textuais:

Gêneros textuais são formas de redação que apresentam características peculiares, definidas por seu conteúdo, seu estilo, sua estrutura e sua função. Existem inúmeros tipos de gêneros textuais, cada qual com suas características específicas. Estes são exemplos de gêneros textuais que mais fazem parte do nosso dia a dia:

  • Romance
  • Conto
  • Crônica
  • Poema
  • Ensaio
  • Biografia
  • Diário
  • Notícia
  • Artigo de opinião
  • Resenha
  • E-mail
  • Verbete de dicionário
  • Manifesto
  • Bilhete

Exemplos de gêneros textuais

Romance

O romance é um texto narrativo que se caracteriza por um relato extenso de situações de conflito vividas por mais de uma personagem. São exemplos de romance O Crime do Padre Amaro, de Eça de Queirós, Capitães da Areia, de Jorge Amado, e Grande Sertão: Veredas, de João Guimarães Rosa.

Leia mais sobre o Romance.

Conto

O conto é um texto narrativo, geralmente curto e centrado numa única situação de conflito. São exemplos de conto “O gato preto”, de Edgar Allan Poe, “O ladrão”, de Mário de Andrade, e “Casa tomada”, de Julio Cortázar.

Leia mais sobre o Conto e veja mais Exemplos de Conto.

Crônica

A crônica é um texto narrativo curto, centrado numa única situação de conflito e escrito em linguagem coloquial. Crônicas têm como assunto preferencial os pequenos conflitos do cotidiano. São exemplos de crônica “A borboleta amarela”, de Rubem Braga, “O homem nu”, de Fernando Sabino, e os textos da Comédia da Vida Privada, de Luís Fernando Veríssimo.

Leia mais sobre o Crônica.

Poema

O poema é um texto geralmente organizado em versos e caracterizado pelo uso de figuras de linguagem, como a metáfora, a assonância e a aliteração. A Rosa do Povo, de Carlos Drummond de Andrade, e Romanceiro da Inconfidência, de Cecília Meireles, são exemplos de livros de poemas.

Leia mais sobre o Poema e sobre Poesia, Poema, Prosa e Soneto.

Ensaio

O ensaio é um gênero reflexivo, em que o autor discorre sobre um determinado assunto de maneira livre, não sistematizada e original. São exemplos do gênero os textos do livro Ensaios, de Michel de Montaigne.

Biografia

A biografia é um texto narrativo que, baseado em documentação diversa, busca reconstituir a história de vida de uma pessoa. Um exemplo é a biografia Getúlio, do jornalista Lira Neto, que conta a história do estadista brasileiro Getúlio Vargas.

Leia mais sobre o Biografia.

Diário

Diário é um gênero de caráter pessoal, usado por uma pessoa para registrar periodicamente suas experiências, vivências, reflexões, pensamentos etc. O livro O Observador no Escritório contém passagens do diário do poeta Carlos Drummond de Andrade.

Veja mais sobre gênero textual diário e exemplos.

Notícia

A notícia é um gênero jornalístico cuja função é comunicar algum fato socialmente relevante, como um acontecimento político ou evento cultural. O jornal, seja ele impresso ou eletrônico, está repleto de notícias, que se caracterizam pela isenção e pela objetividade.

Leia mais sobre o Notícia.

Artigo de opinião

O artigo de opinião é um texto de caráter argumentativo, geralmente publicado em jornais e revistas. Ele se caracteriza pela exposição da opinião de quem escreve (o articulista) sobre os mais diversos temas da atualidade.

Leia mais sobre o Artigo de Opinião e Exemplos de Artigo de Opinião.

Resenha

A resenha é um comentário sobre determinado objeto cultural, seja ele um filme ou um livro. Além de apresentar esse objeto cultural, a resenha tem caráter crítico, isto é, ela emite a opinião de seu autor.

Leia mais sobre o Resenha e de Resenha Crítica.

E-mail

E-mail é um gênero novo, que surgiu com o advento da internet. Veio a substituir, em grande medida, a carta, por ser uma forma muito mais rápida e fácil de envio de mensagens para pessoas que estão longe.

Verbete de dicionário

O verbete de dicionário é um texto que procura, da forma mais sintética e objetiva possível, definir uma palavra, dando conta de suas mais variadas acepções.

Manifesto

O manifesto é um texto programático, no qual seu autor (ou autores) expressa seu posicionamento frente a um assunto polêmico. Manifestos geralmente têm a intenção de causar impacto e persuadir seus leitores. O Manifesto do Partido Comunista, de Marx e Engels, e o Manifesto Futurista, de Marinetti, são exemplos do gênero.

Leia mais sobre o Manifesto e de Manifesto Comunista.

Bilhete

O bilhete é um texto bastante útil no nosso dia a dia. Ele não tem uma forma fixa e tende a ser breve. Seu objetivo é comunicar alguma coisa de forma rápida para outra pessoa. Trata-se de um texto pessoal, e por isso é assinado pelo seu autor.

Diferença entre gêneros e tipos textuais

Tipos textuais ou tipos de texto são sequências de palavras e frases que compõem os textos que lemos todos os dias. Assim, pode-se dizer que os gêneros são formados por tipos textuais.

Um exemplo de tipo textual é a descrição. Quando, por exemplo, vamos redigir uma crônica (gênero textual), usamos a descrição (tipo textual) para mostrar ao nosso leitor como são os objetos, as personagens e os espaços de uma determinada cena.

Os tipos textuais são o narrativo, o descritivo, o dissertativo, o injuntivo, o explicativo e o preditivo:

  • Narrativo: dedica-se a contar histórias, como o conto.
  • Descritivo: dedica-se a mostrar coisas ao leitor (como paisagens e personagens), indicando suas características.
  • Dissertativo: dissertar é falar sobre um determinado assunto, com o objetivo de convencer o leitor, tal como se vê no ensaio.
  • Injuntivo: dedica-se a emitir ordens ou instruções, tal como a receita médica.
  • Explicativo: dedica-se a apresentar alguma coisa ao leitor, seja ela uma ideia, um fato histórico ou um conceito.
  • Preditivo: dedica-se a antecipar ou anunciar alguma coisa que vai acontecer, tal como fazem os boletins meteorológicos.

Importante destacar que um gênero textual costuma conter em si diversos tipos, embora um determinado tipo geralmente prevaleça dentro de um gênero. Por exemplo: o ensaio é um gênero textual onde prevalece o tipo dissertativo, mas pode haver trechos explicativos e até narrativos.

Vejamos como os gêneros textuais podem ser classificados de acordo com os tipos textuais:

Tipos Textuais Gêneros Textuais
Narrativo Romance, conto, crônica, lenda, biografia, novela etc.
Descritivo Talvez não haja um gênero onde a descrição prevaleça, mas romances, contos, crônicas e novelas sempre contêm passagens descritivas.
Dissertativo Ensaio, dissertação de vestibular, artigo de opinião, tese, monografia, dissertação etc.
Injuntivo Receita médica, manual de instrução, convocação militar, bula de remédio etc.
Explicativo Verbete de enciclopédia, verbete de dicionário, livro didático etc.
Preditivo Programação de eventos, boletim meteorológico, roteiro de viagem etc.

Veja também:

Atualizado em