Significado de Relativismo

O que é Relativismo:

Relativismo é uma corrente de pensamento que questiona as verdades universais do homem, tornando o conhecimento subjetivo.

O ato de relativizar é levar em consideração questões cognitivas, morais e culturais sobre o que se considera verdade. Ou seja, o meio que se vive é determinante para construir essas concepções. 

A relativização é a desconstrução das verdades pré-determinadas, buscando o ponto de vista do outro. Aquele que relativiza suas opiniões é aquele que acredita que existam outros tipos de verdade, de perspectivas para as mesmas coisas, e que não há necessariamente um certo ou errado. 

O primeiro passo na aplicação do relativismo é não julgar. O estranhamento de uma outra verdade ou comportamento ajuda na desconstrução do paradigma, e é importante para repensar os fatores que influenciaram naquela construção.

O relativismo é associado principalmente ao conhecimento das Ciências Humanas, como a Antropologia e a Filosofia.

Relativismo Sofista

O chamado Relativismo Sofista é uma linha de pensamento da filosofia grega que defende a subjetividade da verdade. O que o homem acredita e defende, seja enquanto moral ou conhecimento, é conforme ele vê e experimenta, conforme seu contexto. 

Veja o significado da frase do sofista grego Protágoras "O homem é a medida de todas as coisas".

Relativismo Moral

A partir do relativismo sofista, constrói-se uma corrente chamada de Relativismo Moral, a partir da interpretação dos sofistas de que também a moralidade é importante para o processo de construção do conhecimento. O que vai influenciar na ideia de bem e mal. O bem é aquilo que é socialmente aceito, enquanto tudo o que sai da curva de moralidade aprovada é tido como mal. 

Relativismo Religioso

O relativismo religioso ultrapassa o relativismo moral, e além de questionar a formação dos conceitos de bem e mal, diretamente ligados à religião, coloca em questão a palavra de Deus como a única verdade. Também no que diz respeito às interpretações feitas pelos homens dos livros sagrados.

Relativismo Cultural

O relativismo cultural é um conceito antropológico que define que o conjunto de hábitos, crenças e valores de um grupo, ou seja a sua cultura, influencia no que este considera uma verdade. E para relativizar a cultura, a pessoa deve primeiramente não julgar, para depois tentar entender os traços da cultura do outro que o levaram a ter aquilo enquanto verdade.

O relativismo cultural seria o contrário do etnocentrismo. O pensamento etnocêntrico é aquele que apenas leva em consideração a moral e os valores do seu próprio grupo para interpretar outros comportamentos, e com isto acaba julgando pela sua perspectiva pessoal o que é feito por outros grupos.

Veja também: o significado de Etnocentrismo.

Já o relativismo cultural defende o oposto, que a cultura do sujeito deva ser relativizada, ou seja, repensada, para que se entenda o ponto de vista do outro.

Saiba mais sobre o significado de Relativismo Cultural.

O significado de Relativismo está na categoria: Filosofia