Significado de Socialismo marxista

O que é Socialismo marxista:

Socialismo marxista, também conhecido por Socialismo científico ou simplesmente Marxismo, é uma corrente ideológica desenvolvida pelo filósofo Karl Marx (1818-1883) e Friedrich Engels (1820-1895), com a finalidade de acabar com a luta de classes existente no regime capitalista.

A base do socialismo marxista era a análise crítica e científica do capitalismo, fazendo com que este modelo se diferenciasse da ideia de socialismo utópico, criada por Robert Owen, Saint-Simon e Charles Fourier.

Ao contrário do socialismo utópico, o socialismo marxista não tinha a intenção de criar uma sociedade ideal, onde os proprietários deveriam doar as suas riquezas e bens em prol do bem-comum social.

Os fundamentos do socialismo científico eram de compreender a história do capitalismo, como foi feita a sua consolidação e as suas contradições. De acordo com os marxistas, o capitalismo caminhava em um caminho em que, eventualmente, seria ultrapassado.

A primeira discussão em torno do socialismo marxista surgiu com a publicação do livro "O Manifesto Comunista", em 1848.

Saiba mais sobre o significado de Marxismo e Socialismo.

Para Marx, uma sociedade capitalista era dividida em duas classes: a burguesia (quem possuía o controle dos meios de produção) e o proletariado (aqueles que não tinham posses e vendiam a sua mão-de-obra por preços muito baixos).

Características do socialismo marxista

O socialismo marxista tinha como fundamento teórico:

  • a luta de classes;
  • a revolução proletária;
  • o materialismo dialético e histórico;
  • a teoria da evolução socialista;
  • doutrina da mais-valia.

Os socialistas marxistas acreditavam que melhores condições de trabalho e de vida para os trabalhadores só seriam possíveis através de uma revolução da classe proletária e da luta armada.

Saiba mais sobre materialismo dialético e materialismo histórico.

Data de atualização: 01/10/2018.