Causas da Segunda Guerra Mundial

Juliana Bezerra
Revisão por Juliana BezerraProfessora de História

A Segunda Guerra Mundial foi um conflito que envolveu 72 países em seus seis anos de duração.

A guerra inicia em 1 de setembro de 1939 e termina somente em agosto de 1945. No dia 8 de agosto a União Soviética invade os territórios ocupados pelo Japão na China e no dia 15 do mesmo mês ocorre o final da guerra na Europa.

A disputa ocorreu entre os países Aliados e os países do Eixo. Os Aliados eram Inglaterra, União Soviética, França e Estados Unidos. Os países do Eixo eram Alemanha, Itália e Japão. Após os anos de batalha, a guerra foi vencida pelos Aliados.

Várias foram as causas que levaram à eclosão deste conflito de enormes proporções, que envolveu países de todos os continentes.

Conheça agora cinco das principais causas do início da Segunda Guerra Mundial.

1. O expansionismo alemão

O desejo de expansionismo alemão de Adolf Hitler surge inicialmente pela necessidade de obtenção de mais matérias-primas para o país.

Somado a isso, existia a vontade de unir a "raça" ariana, que ele acreditava ser superior às demais. O ditador desejava reunir a população ariana que vivia em outros territórios europeus, como Áustria, Renânia e Polônia.

Ainda em 1936, Hitler e o exército alemão invadem a região da Renânia, ignorando a cláusula que constava do Tratado de Versalhes, que determinava que a região não poderia ser militarizada.

Leia também sobre o Arianismo.

2. Disputas por territórios

A ocorrência de outras disputas territoriais também foi definitiva para a eclosão do conflito. Além do desejo de expansão da Alemanha, outros países - como Itália e Japão, que durante a guerra formaram o Eixo, juntamente com a Alemanha - também avançaram e invadiram nações para agregar novos territórios.

A Itália, que na época era governada por Benito Mussollini, invadiu a região da Abissínia, no continente africano. O ataque ocorre entre os anos de 1935 e 1936 e o evento ficou conhecido como a Segunda Guerra Italo-Etíope.

O território, que hoje pertence à Etiópia, foi anexado à Itália em 7 de maio de 1936. A ocupação italiana na região perdura até o ano de 1941.

Já o Japão, naquele momento contava com uma grande população para sua pequena área. Como solução, o governo do país desejava expandir seu domínio territorial para regiões chinesas.

Entre 1931 e 1932, o exército japonês invadiu a Manchúria e o local foi ocupado até o fim da Segunda Guerra.

O final definitivo do controle japonês sobre a região só ocorre em 1945, quando a União Soviética também invade a região e a devolve ao governo chinês.

3. O revanchismo da Alemanha contra a França

O revanchismo da Alemanha ocorre em razão da derrota alemã na Primeira Guerra Mundial. Esse sentimento fez com que o ditador alemão desrespeitasse a previsão do Tratado de Versalhes.

O Tratado de Versalhes

O Tratado foi assinado no ano de 1919 e oficialmente encerrou a Primeira Guerra. No documento ficou determinado que a Alemanha assumiria as responsabilidades por ter causado o princípio da guerra.

Além disso, o país também se comprometeu a fazer algumas devoluções territoriais. A determinação referia-se aos países que formaram a Tríplice Entente: França, Inglaterra e Rússia.

Conheça mais detalhes sobre o Tratado de Versalhes e leia também sobre o Nazismo.

4. Investimento na produção armamentista

A produção armamentista ocorrida em países como Itália e Alemanha, durante a década de 1930, influenciou a existência da Segunda Guerra, já que o investimento foi fundamental para garantir o avanço e a conquista de territórios.

Assim, o desenvolvimento da indústria de armas acabou por ser um fator muito relevante e com influência direta na guerra.

Sabe-se, por exemplo, que no último ano do conflito - 1945 - a Alemanha chegou a produzir 500 mil toneladas de materiais bélicos.

5. Invasão da Polônia

É este acontecimento que marca o início da guerra. Por seu desejo de conquista territorial, Adolf Hitler determina a invasão do país pelo exército alemão em 1 de setembro de 1939.

Ele desejava anexar territórios do país à Alemanha, como já havia feito com Áustria em 1936 e Tchecoslováquia em 1938.

Para se proteger da ameaça, a Polônia assina um acordo de proteção com Inglaterra e França, com o comprometimento de que ambos apoiariam o exército polonês em caso de ataque. Os dois países, após começo da guerra, integrariam os países Aliados.

A Polônia é derrotada diante do exército alemão e a Segunda Guerra começa oficialmente. No dia 3 de setembro de 1939, dois dias após a invasão, França e Inglaterra declaram guerra contra a Alemanha.

Saiba mais detalhes sobre a Segunda Guerra Mundial e veja 7 acontecimentos marcantes da Segunda Guerra Mundial.

Data de atualização: 20/08/2019.

Juliana Bezerra
Revisão por Juliana Bezerra
Bacharelada e Licenciada em História, pela PUC-RJ. Especialista em Relações Internacionais, pelo Unilasalle-RJ. Mestre em História da América Latina e União Europeia pela Universidade de Alcalá, Espanha.