Significado de Judaísmo

Judaísmo é a religião do povo judeu e a mais antiga tradição religiosa monoteísta. Existem 14 milhões de judeus no mundo todo, e a maior parte deles mora atualmente nos Estados Unidos.

A tradição conta que o judaísmo surgiu no ano de 2.000 a.C. e seu fundador é Abraão, o primeiro patriarca do povo de Israel e também intitulado o primeiro judeu.

O judaísmo é uma tradição matriarcal, o que portanto determina que um filho de mãe judia também será judeu. O judeu é definido como um membro da tribo de Judá e um israelita, e também são chamados de "povo escolhido de Deus".

A tradição judaica entende que todos o povo judeu é descendente direto dos primeiros judeus, que seriam Abraão, Isaac e Jacó, e são definidos hoje enquanto um grupo etno-religioso.

Os judeus seguem os ensinamentos da Torá e da Bíblia Hebraica, que correspondem ao Velho Testamento da Bíblia Cristã. Os cinco primeiros livros, a que os judeus dão o nome de Torá, teriam sido escritos por Deus e não devem ser nunca modificados. No cristianismo correspondem aos livros de:

  • Gênesis;
  • Êxodo;
  • Levítico;
  • Números;
  • Deuteronômio.

A tradição e filosofia judaicas são transmitidas por meio do Talmude, livro que reúne as leis judaicas na forma de histórias e comentários.

A crença judaica está dividida em diferentes linhas de tradição religiosa, sendo elas o Judaísmo Ortodoxo, o Judaísmo Conservador, o Judaísmo Reformista, o Judaísmo Reconstrucionista e o Judaísmo Humanista. Diferem entre elas, basicamente, as formas de ler a Torá e a interpretação das leis judaicas.

Em resumo, o Judaísmo está baseado em três pilares de fé e serviço a Deus, representados pelas seguintes três palavras em hebraico:

  • Teshuvá, que pode ser entendido como arrependimento e retorno às origens puras e boas quando se comete algum erro.
  • Tefilá, que significa prece e a ligação com Deus.
  • Tsedacá, que pode ser traduzido por caridade mas no sentido de justiça, de doar aquilo que Deus confiou a si para que entregasse aos outros.

O Deus é único e não possui imagem ou corpo. É a única entidade a ser louvada, sendo a autoridade máxima do universo. Deus apenas se comunica com o seu povo por meio dos profetas, como foi com Moisés.

Todas as ações que um indivíduo toma são notadas por Deus, que pune ou recompensa dependendo da índole da ação.

Uma das características do povo judeu é o sentimento de comunidade criado em torno não só da religião, mas enquanto uma cultura.

As festas judaicas seguem o calendário solar. As principais são:

  • Pessach (Páscoa) em que comemora-se a libertação do povo judeu do Egito;
  • Rosh Hashaná que é o ano-novo judaico;
  • Yom Kipur, o dia do perdão;
  • Chanucá que marca o fim do domínio dos Assírios sobre a terra prometida aos Judeus e a restauração do templo de Jerusalém;
  • Simchat Torá que representa o dia em que Deus entregou os Dez Mandamentos a Moisés.

Leia mais sobre a origem, história, vertentes e símbolos do judaísmo.

Veja também o significado de:

Leia mais sobre religiões como Budismo, Islamismo e Hinduísmo;

Data de atualização: 15/10/2020.