Classes Gramaticais

Igor Alves
Igor Alves
Professor de Língua Portuguesa

Classes gramaticais ou classes de palavras são os conjuntos que classificam uma palavra, baseando-se na sua estrutura sintática e morfológica.

Existem dez classes gramaticais na língua portuguesa:

  • Adjetivo
  • Artigo
  • Advérbio
  • Conjunção
  • Numeral
  • Preposição
  • Pronome
  • Substantivo
  • Verbo

As classes gramaticais são subdividas entre variáreis e invariáveis.

Classes gramaticais variáveis

Quando se diz que uma classe gramatical é variável, isso significa que possui a capacidade de se flexionar, seja em número (singular/plural), gênero (masculino/feminino), grau (diminutivo/aumentativo) ou tempo (passado/presente/futuro).

Substantivo

Substantivos são as palavras que nomeiam as coisas, os seres, os lugares. Podem ser flexionados em gênero, número e grau.

Exemplos: "árvore", "João", "futebol", "chuva", "planeta".

Veja mais sobre substantivo.

Verbo

É constituído pelas palavras que indicam uma ação, estado, ocorrência ou um fenômeno. Podem ser flexionados em número, voz, pessoa, modo e tempo.

Exemplos: "comer", trovejar", "passear", "cair", "compor".

Saiba mais sobre verbo.

Adjetivo

É formado pelas palavras que caracterizam ou qualificam os substantivos. Podem ser flexionados em gênero, número e grau.

Exemplos: "bonito", "razoável", "torto", "incorrigível", "excepcional".

Leia mais sobre adjetivo.

Artigo

É a classe de palavras que antecedem os substantivos, definindo ou não os mesmos. Podem ser flexionados em gênero e número.

Exemplos: "a", "o", "um", "uma", "uns", "umas".

Saiba mais sobre artigo.

Numeral

Classe de palavras que indicam quantidades, sejam de pessoas, coisas, etc. Podem ser flexionados em gênero e número.

Exemplos: "zero", "duzentos e quarenta cinco", "terceiro", "meio", quádruplo".

Veja mais sobre numeral.

Pronome

Pronomes são as palavras que substituem, acompanham, determinam ou modificam alguns substantivos nas frases. Podem ser flexionados em gênero, número e pessoa.

Exemplos: "eu", "este", "vosso", "quando", "vários".

Leia mais sobre pronome.

Classes gramaticais invariáveis

As classes de palavras invariáveis são estáticas, ou seja, não sofrem modificações em suas estruturas.

Advérbio

Advérbios são as palavras que alteram um verbo, um adjetivo ou outro advérbio. São invariáveis, mas alguns advérbios podem ser flexionados em grau.

Exemplos: "perto", "cedo", "pacientemente", "muito", "sim", "não", "talvez", "por que", "rapidinho".

Saiba mais sobre advérbio.

Preposição

São as palavras que estabelecem conexões entre dois termos de uma oração.

Exemplos: "por", "para", "com", "após", "desde", "contra", "entre", "sobre".

Veja mais sobre preposição.

Interjeição

Classe de palavras que exprimem emoções, sensações ou estados de espírito. São invariáveis.

Exemplos: "ai!", "poxa!", "oba!", "nossa!", "eita!", "cruz credo!"

Leia mais sobre interjeição.

Conjunção

Conjunções são as palavras que servem para ligar duas orações ou termos de uma mesma frase. São invariáveis.

Exemplos: "e", "nem", "entretanto", "então", "pois", "conforme", "de maneira que", "embora", "enquanto".

Saiba mais sobre conjunção.

Bibliografia:

  • CEGALLA, D. P. Novíssima Gramática da Língua Portuguesa. São Paulo, Companhia Editora Nacional. 2009.
  • CUNHA, C.; CINTRA, L. Nova Gramática do Português Contemporâneo. Rio de Janeiro, Lexikon, 2013.

Veja também:

Igor Alves
Igor Alves
Licenciado em Letras - Habilitação em Português pela Universidade federal do Pará (UFPA)