Significado de Juros

O que são Juros:

Juros é o rendimento que se obtém quando se empresta dinheiro por um determinado período. Os juros são para o credor (aquele que tem algo a receber) uma compensação pelo tempo que ficará sem utilizar o dinheiro emprestado.

Por outro lado, quem faz um empréstimo em dinheiro ou faz uma compra a crédito, geralmente terá que pagar um acréscimo pela utilização do dinheiro ou pelo parcelamento da totalidade do valor do bem. A esse acréscimo também dá-se o nome de juro.

Para determinar o valor dos juros são definidas taxas percentuais (taxas de juros) fixadas pelo credor.

As taxas de juros são calculadas de acordo com alguns fatores como, a inflação em vigor, com o que foi acordado no contrato ou com o risco do empréstimo para o credor.

As taxas podem ser maiores ou menores numa relação proporcional ao tamanho do risco.

No Brasil, os bancos utilizam uma taxa de referência básica, criada em 1979 pelo Banco Central do Brasil, chamada Taxa Selic (Sistema Especial de Liquidação e Custódia). Essa taxa também é utilizada na delimitação das taxas de juros para o comércio.

No mercado financeiro, existem diversas modalidades de juros: juros simples, juros compostos, juros nominais, juros de mora, juros reais, juros rotativos, juros sobre o capital próprio, entre outras.

Juros simples

O juros é considerado simples quando o a taxa de juros é definida a partir do valor inicial do empréstimo.

Juros compostos

Já o sistema de juros composto consiste na definição do percentual da taxa de juros de acordo com cada período, sendo este novo valor adicionado ao valor inicial para que seja feito um novo cálculo no período seguinte.

Em outras palavras, os juros compostos são os “juros sobre juros”.

Este é um regime de juros mais comum no sistema financeiro, portanto mais útil para os cálculos de situações cotidianas.

Saiba mais sobre o significado de juros compostos.

Data de atualização: 03/07/2019.