Como fazer a metodologia para o TCC?

A metodologia do TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) é a descrição do caminho detalhado que você utilizará para explicar como fez a sua pesquisa e quais métodos utilizou para chegar ao resultado.

A metodologia relata de maneira detalhada como será a construção do seu trabalho. É através dela que o leitor do seu TCC saberá como você fez a sua pesquisa, se seus resultados são verificáveis e confiáveis.

Como fazer a metodologia TCC?

É importante lembrar que, para cada curso ou área de estudo, a metodologia pode variar no seu processo de desenvolvimento. Por isso, é essencial seguir as regras ou sugestões estabelecidas para a sua área de graduação.

Geralmente, a metodologia pode aparecer em dois lugares no seu TCC:

  • na introdução do trabalho, de forma resumida, ou
  • em algum capítulo específico, com o detalhamento da pesquisa.

Tanto no detalhamento, quanto no resumo, é importante conter os tipos de pesquisas utilizados. Porém, no capítulo detalhado, você deve explicar o motivo específico de ter escolhido a sua pesquisa e o caminho que seguiu para obter resultados confiáveis.

Para fazer a metodologia do seu TCC de forma prática, você pode seguir da seguinte maneira:

Defina a finalidade da sua pesquisa

A finalidade é esclarecer para o próprio pesquisador e para o leitor do trabalho a problematização da pesquisa, ou seja, quais questões e pontos do tema serão discutidos e avaliados.

Existem dois tipos de pesquisa:

  • Básica: tem por objetivo aprofundar o conhecimento científico de um determinado tema. Ou seja, o trabalho investiga um assunto já existente, aprofundando algum ponto específico sobre o tema.
  • Pesquisa aplicada: tem por finalidade desenvolver algum conhecimento, método, produto ou até mesmo uma solução que pode ser aplicada na prática. Neste tipo de pesquisa, a intenção é propor uma mudança ou experimento em algum assunto.

Veja mais sobre o que é metodologia e tipos de pesquisa,

Escolha o objetivo da sua pesquisa

O objetivo da pesquisa está ligado diretamente ao problema ou questão que será desenvolvida no seu trabalho. Sua pesquisa pode ser:

  • Descritiva: é um tipo de pesquisa baseada em assuntos teóricos, ou seja, é aquela em que você utiliza livros, artigos e trabalhos acadêmicos que já abordam o assunto que você escolheu.
  • Exploratória: na pesquisa exploratória, além de pesquisar bibliograficamente sobre o seu assunto, você trabalha também em cima de algum fato ou fenômeno. Quando há pesquisa de campo, por exemplo, com aplicação de questionários e entrevistas, é um tipo de pesquisa exploratória. É o tipo de pesquisa que procura dados que não existem em livros, artigos ou trabalhos acadêmicos.
  • Explicativa: é um tipo de pesquisa muito utilizada nos doutorados, por exemplo. A pesquisa explicativa tem por objetivo descrever um novo conhecimento que pode ser aplicado na prática.

No desenvolvimento de TCCs o mais comum é a pesquisa descritiva ou a mistura das pesquisas descritiva e exploratória.

Veja também o que é pesquisa documental e leia sobre a diferença entre pesquisa descritiva, exploratória e explicativa.

Defina a abordagem

A abordagem diz a forma como vai analisar as informações que você vai coletar na sua pesquisa. O seu trabalho pode ser quantitativo, qualitativo ou quali-quantitativo.

  • Pesquisa qualitativa: nesse tipo de pesquisa, o autor do trabalho analisa criticamente os dados coletados sobre o tema. Na pesquisa qualitativa, estamos falando sobre a visão do autor do trabalho sobre uma questão escolhida para abordar. Aqui, os dados são subjetivos, porque aborda motivações, comportamentos ou emoções que não podem ser quantificadas numericamente.
  • Pesquisa quantitativa: diferente da pesquisa qualitativa, a quantitativa é baseada em dados que procuram encontrar uma verdade exata. A pesquisa quantitativa é baseada em métodos matemáticos ou estatísticos, obtendo resultados exatos. A pesquisa eleitoral, por exemplo, é um tipo de pesquisa quantitativa.
  • Pesquisa quali-quantitativa: é um tipo de pesquisa mista, que conta com dados qualitativos (dados subjetivos) e quantitativos (dados baseados em métodos matemáticos e estatísticos). Exemplo: quando numa pesquisa eleitoral há dados sobre as porcentagens dos votos nos candidatos (quantitativa) e informações coletadas sobre o porquê dos eleitores terem escolhido seus candidatos e o que esperam de seu mandato (qualitativa).

Veja também o que é TCC e significado de pesquisa bibliográfica.

Defina o método que será utilizado

Existem inúmeros métodos que podem ser aplicados nos TCCs, mas os mais comuns são:

  • Método indutivo: o autor do trabalho observa e analisa algum caso específico, para a partir disso tirar uma conclusão.
  • Método dedutivo: o autor faz uma análise de uma situação geral para chegar a um caso específico, e a partir disso tirar alguma conclusão.
  • Método dialético: esse é o tipo de método que usa a pesquisa para analisar casos divergentes. Nesse caso, o autor apresenta uma tese 1, em seguida apresenta a tese 2, sobre o mesmo tema, mas que é contrária à tese 1. Em seguida, o autor elabora uma ponderação entre as duas teses, avaliando os pontos válidos de uma e de outra, com o objetivo de construir uma terceira conclusão.
  • Método hipotético-dedutivo: o autor escolhe um problema e estabelece hipóteses que podem solucioná-lo. A partir disso, o autor faz uma pesquisa para confirmar se a sua hipótese pode ser confirmada ou refutada.
  • Método fenomenológico: é o método que apresenta os dados e busca esclarecê-los exatamente da forma como ele é. Neste caso, o autor não explica e muito menos deduz os dados, mas os interpreta da forma como são.

Veja também como escrever a metodologia do TCC, significado de monografia e significado de método dedutivo;

Exemplos de metodologia TCC

Exemplo 1

O tipo de pesquisa utilizada no presente artigo foi descritiva e exploratória em relação aos objetivos, visto que, segundo Gil (1996), proporciona uma proximidade com a questão.

Neste sentido, construir hipóteses, a metodologia envolve entrevistas com pessoas que tiveram experiências ligadas diretamente com o problema pesquisado.

Os procedimentos de coleta dos dados supracitados, foi através de pesquisa bibliográfica e documental, com abordagem quantitativa e qualitativa, com o intuito de relacionar os dados para a interpretação.

Ao longo da construção da pesquisa, o primeiro procedimento realizado diz respeito à obtenção de nome do autor, curso, tema, resumo e ano de defesa das monografias. Em seguida, definiram-se as categorias de Jornalismo e Relações Públicas, para melhor evidenciar o perfil dos TCC e monografias.

Os dados analisados foram transformados em gráficos e infográficos para melhor visualização. Assim, os dados foram cruzados e interpretados tanto em quantidade como em qualidade para se constatar o Perfil dos trabalhos acadêmicos de Comunicação Social da Universidade.

Exemplo 2

Este trabalho teve como finalidade a realização de um estudo com o objetivo de compreender a influência da prática pedagógica do professor na participação do aluno nas aulas de Educação Física.

A classificação da pesquisa quanto aos seus objetivos, se divide em três grandes grupos: exploratórias, descritivas e explicativas (KIPNIS, 2005). A opção que mais se aproximou ao tipo de estudo foi a descritiva.

A pesquisa descritiva tem o objetivo de descrever as características de um fenômeno, e utiliza técnicas padronizadas de coleta de dados, através de questionários.

Este estudo apresentado conta com a abordagem qualitativa e teve como foco o Estudo de caso as escolas municipais da Secretaria Municipal de Educação de Duque de Caxias, RJ.

Veja também:

Atualizado em