Significado de Dourar a Pílula

O que é Dourar a Pílula:

Dourar a pílula é uma expressão idiomática da língua portuguesa e significa apresentar algo difícil ou desagradável como uma coisa mais suave e mais fácil de aceitar.

É possível afirmar que a expressão "dourar a pílula" está relacionada com a figura de linguagem conhecida como eufemismo. O eufemismo consiste na substituição de um termo ou expressão rude, chocante ou inconveniente por outro mais suave ou agradável.

Em inglês, esta expressão popular é muitas vezes traduzida como "gold plating", cuja tradução literal é "revestir de ouro", mas uma tradução mais adequada é "sugarcoat", que significa "envolver em açúcar".

Origem da expressão

Entre 865 e 923, viveu o médico persa Rhazés, que foi o primeiro a ter a idéia de revestir remédios sólidos ou pílulas, para que fossem mais facilmente ingeridos. Ele fez uso de sementes de uma planta, sementes que têm um sabor doce e que em seu interior possuem uma substância que fica viscosa quando entra em contato com a água. Dessa forma, essa substância envolvia a pílula, tornado-a mais doce e fácil de engolir.

Alguns anos depois, um filósofo persa chamado Avicena, que com apenas 16 anos já praticava a medicina, usou folhas de ouro e prata para revestir os comprimidos.

Um comprimido revestido em papel dourado fica mais bonito, apesar de seu sabor não ter sofrido qualquer alteração. Muitos farmacêuticos depois utilizaram a mesma estratégia para venderem melhor os seu comprimidos.

Por esse motivo, a expressão "dourar a pílula" é uma forma de mascarar a realidade, fazendo com que algo doloroso fique mais suave. No entanto, é importante esclarecer que “dourar a pílula” não é mentir, é adoçar uma verdade amarga.

Data de atualização: 11/09/2013.