Significado de Transexual

O que é Transexual:

Transexual é uma pessoa que não se identifica com o sexo biológico com o qual nasceu, ou seja, é alguém que não se sente adequado ao seu gênero de nascimento.

Assim, podemos dizer que uma pessoa é definida como transexual quando sente desconforto com seu sexo biológico.

Por exemplo: uma pessoa nasce biologicamente mulher, mas não se reconhece dessa forma. Apesar de ter nascido como uma mulher, sente-se um homem.

Mulher transgênero e homem transgênero

Uma mulher transgênero (mulher trans) é uma pessoa que nasceu com o sexo biológico masculino (como homem), mas se autoidentifica como uma mulher.

Ao contrário, um homem transgênero (homem trans) é uma pessoa que nasceu biologicamente mulher, mas que se identifica e se sente um homem.

O que é sexo biológico?

Como vimos, a transexualidade é um não reconhecimento do sexo biológico, a pessoa transexual não se identifica com o gênero determinado pelas características de nascimento (inadequação de gênero).

Para entender melhor, é preciso saber que o sexo biológico é o determinado por particularidades de cada indivíduo, como suas genitais e seu sistema reprodutivo. De acordo com as características presentes, seu sexo será feminino ou masculino.

Diferença entre transexual e transgênero

Como vimos, transexual é uma expressão que denomina pessoas que não se sentem pertencentes ao gênero biológico atribuído por suas características de nascimento.

Já o termo transgênero é mais amplo. Ele é utilizado para indicar todas as pessoas que não se identificam com seu gênero biológico. Além dos transexuais, também são incluídas no grupo de transgêneros as pessoas que são travestis ou que não se identificam com nenhum dos gêneros conhecidos.

Transexualidade e identidade de gênero

Identidade de gênero significa a forma como uma pessoa se sente em relação a si própria e como ela se apresenta perante a sociedade e às outras pessoas.

Na maior parte das vezes, a identidade de gênero corresponde ao gênero biológico (masculino ou feminino). Por exemplo: uma pessoa que nasce como mulher e sente-se uma mulher. Mas, se essa correspondência não acontecer, pode ser um caso de transexualidade.

Existem três principais identidades de gênero:

  • Cisgênero: pessoa que se identifica com seu gênero biológico.
  • Transgênero: identificação com um gênero diferente do biológico.
  • Não-binário: pessoas que não se identificam com nenhum dos gêneros (feminino ou masculino).

Leia mais sobre os significados de cisgênero, transgênero e não-binário. Para entender mais sobre o assunto, leia também sobre identidade de gênero.

A classificação da transexualidade segundo a Organização Mundial da Saúde

Até 2018 a transexualidade era incluída na lista de transtornos mentais, mas a Organização Mundial da Saúde (OMS) retirou a transexualidade dessa listagem.

Antes disso acontecer, de acordo com a Classificação Internacional de Doenças (CID), a transexualidade era considerada um transtorno de identidade de gênero.

Hoje, a classificação como transtorno mental foi substituída por incongruência de gênero. Esta é a nova definição na CID:

A incongruência de gênero é caracterizada por uma incongruência acentuada e persistente entre o gênero experiente de um indivíduo e o sexo designado. O comportamento e as preferências das variantes de gênero, por si só, não são uma base para atribuir os diagnósticos nesse grupo.

É interessante saber que cirurgias (como a cirurgia de redesignação sexual) ou tratamentos hormonais para a adequação do gênero não são determinantes para que a transexualidade seja caracterizada.

A decisão de passar por esses procedimentos é pessoal e feita pela observação de cada caso. As análises são feitas pela pessoa transexual e por uma equipe de profissionais que a acompanha.

Mas, independentemente disso, é a identificação com um gênero diferente do biológico que pode confirmar a transexualidade de uma pessoa.

A bandeira do orgulho transgênero

A bandeira do orgulho transgênero é formada por cinco linhas nas cores azul, branca e rosa. A cor azul foi escolhida por ser usada tradicionalmente para representar o gênero masculino, assim como o rosa é usado para representar o gênero feminino.

A cor branca foi usada para simbolizar as pessoas que não se sentem adequadas a nenhum desses gêneros ou que passam por um processo de transição de gênero.

Trans

Data de atualização: 04/11/2019.